Ser Escritor

Blog Ser Escritor - Este blog tem por objetivo divulgar as obras literárias do Prof. Dr. Silvério da Costa Oliveira, proporcionar debate sobre as mesmas, abordar os temas tratados pelo autor em seus livros e apresentar dicas e informações para quem está querendo ser escritor. Ao final de cada postagem, clique nos marcadores para ter acesso a outras sobre o mesmo tema. Deixe seus comentarios aos posts, é simples, não é difícil. Você é bem vindo!

Minha foto
Nome:
Local: Rio de Janeiro, RJ, Brazil

Silvério da Costa Oliveira é Doutor (PhD) e Mestre em Psicologia; Psicólogo, Bacharel em Psicologia, Bacharel em Filosofia, possui a Licenciatura Plena em Psicologia e a Licenciatura Plena em Filosofia, possui a Licenciatura pelo MEC em História e Sociologia, autor de vários livros e artigos, conferencista. Sua formação está estruturada sobre três pilares: a Filosofia, a História e a Psicologia.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Bibliografia do livro “Conversando sobre as drogas”

Por: Silvério da Costa Oliveira

Texto presente ao site www.doutorsilverio.com

OLIVEIRA, Silvério da Costa. Conversando sobre as drogas. Rio de Janeiro: Irradiação Cultural, 1997. (382 páginas)


(Todos os direitos reservados)
Silvério da Costa Oliveira.

(É permitida a reprodução desde que citada a autoria e a fonte)
Leia e tire uma cópia na sua impressora.
Entre em contato e envie um e-mail com suas opiniões, críticas e sugestões.

OLIVEIRA, Silvério da Costa. Conversando sobre as drogas. Rio de Janeiro: Irradiação Cultural, 1997. (382 páginas)

Bibliografia
* Capítulo 1
Os Fármacos, o Café e o Tabaco
BIBLIOGRAFIA
AGLOPES. (pseud.). O uso do tabaco. Niteroy: Typ. Guttemberg, 1907.
AIMÉ, Doctor Druhen. Du tabac - Son influence sur la santé - Higiene des fumeurs. 2º ed., Besançon, 1867.
ALMEIDA, Francisco Joaquim Werneck de. Do uso do tabaco e de sua influencia sobre o organismo. Rio de Janeiro: These Fac. de Med. Rio de Janeiro, setembro de 1869.
ALMEIDA, Nizan Pereira. Ação educativa de combate ao fumo: O programa municipal de controle do tabagismo em Curitiba no período de 1986/1988. Curitiba: Tese de mestrado em Educação, Universidade Federal do Paraná, 1991.
ARAÚJO, Jairton Fraga. A cultura do fumo de corda. Salvador, BA: EMATER, 1986.
ARENA, Dr. Raphael. Pesquisas physiologicas experimentais sobre a acção do fumo de tabaco relativamente a digestão. Rio de Janeiro: These Fac. Med. e Pharmacia do Rio de Janeiro, 1900.
BAER, D. J. Smoking actitude, behavior and beliefe of college males. In: Journal of Social Psychology, Mars 68(1) febr 65-78, 1966.
BALBACH, Alfons. O fumo e a saúde. 12º ed., São Paulo: Edições A Edificação do Lar.
BARUK, Henry. Substancias psicotropas y psiquiatria bioquímica. In: Revista de Psicologia La Plata, 1965.
BISMARK, A. Hugo de. Os fumadores zombando dos reis, imperadores e papas: Origem e história do tabaco. Rio de Janeiro, 1883.
BLEDA, Paul R. Effets of sex and smoking on relactions to spatial invasion at a shopping small. In Journal of Social Psychology, mars 104(2) 311-312. apr., 1978.
BREAN, Herbert. Como deixar de fumar. Trad. de José Geraldo Vieira. São Paulo: O pensamento, 1953.
BRUN, Martina Claire. Tabagismo: Um estudo de crenças. Tese de mestrado em Psicologia, UNB, 1992.
BURGER, Alfred. Química medica: Química, bioquímica y accion terapeutica y farmacologica de las drogas naturales y sinteticas (2 vols). Version castellana por Vicente Vilar Palasi. Madrid: Aguilar, 1954/55.
BURN, Harold. Drogas, medicina e o homem. Trad. de Adelino Vilhena. Lisboa: Aster, 1961.
CAVALCANTI, Walter Tenório. Cigarros matam. Curitiba: Graf do Professor, 1986.
CHAVES, Thereziano de Magalhães. Breves considerações sobre o tabagismo. Rio de Janeiro: These Fac. Med. Rio de Janeiro, Typ. da Revista dos Tribunais, 1910.
CHOLLAT-TRAQUET, Claire. Les femmes et el tabac. Geneve: OMS, 1992. (La mujer y el tabaco. Genebra: OMS, 1993).
COELHO, Dr. Constantino Machado. Do uso e abuso do tabaco. Rio de Janeiro: These inaugural, Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, 1875.
COIMBRA, José de Castro. O tabagismo e sua nocividade. Brasilia: Discurso pronunciado pelo deputado na sessão 17/4/79, Câmara dos Deputados, 1979.
COIMBRA, José de Castro. Tabagismo: Fumo: Discursos pronunciados e projetos de lei apresentados. Brasília: Câmara dos Deputados, 1979.
DELTEL, Emile. Du café, de ses effets physiologiques et de son emploi en therapeutique. Paris, (These) 1851.
DEWS, P. B. Psicofarmacologia. In Bachrach A. J. Fundamentos experimentais de psicologia clínica, p. 533-538, São Paulo: Herder, 1972.
DIETZ, Vance y et al. Mortalidad atribuible al tabagismo, años de vida potencial perdidos y costos diretos para la atencion de salud en Puerto Rico, 1983. Washington: Boletin de la Oficina Sanitaria Panamericana, v.110, n.5, p378-379, mayo, 1991.
DIMOV, Dimitur. Tabaco. Trad. por Juanita Linkova Sofia. Ed. De Libros em lenguas extranjeras, 1966.
DUBITAKY, Mihed. Ego resiliency, ego control, and smoking cessation. In The Journal of Psychology, Massach. 70(1) 27-33, sept., 1968.
FARQUHAR, John W. Meu último cigarro: Ex fumantes contam seus segredos. Jown W. Farquhar e Gene A. Spiller. São Paulo: Saraiva, 1993.
FERREIRA, João José dos Santos. Do uso e abuso do tabaco e da sua influência sobre a saúde. Rio de Janeiro: These Fac. Med. Rio de Janeiro, 1872.
FISHER, George J. The physical effects of smoking preliminary experimental studies. By George J. Fisher and Elmer Berry. New York: Association Press, 1917.
FORT, Dr. O café sua acção sobre o organismo humano... Rio de Janeiro, 1883.
FUCCIO, Francisco de. O fumo. São Paulo: Atena, 1953.
GALOPIN, Augustin. Le tabac, l'absinthe et la folie... Paris: Lib. Illustrée, [s.d.].
GARCIA, Sebastião. Carta aos fumantes: Urgente. São Paulo: Edições Paulinas, 1983.
GARRIDO, Fernando Antonio Cardoso. A influência do fumo sobre a capacidade aeróbica. Rio de Janeiro: UGF, 1979.
GEORGE, Eugenio. O vício de fumar. 4º ed., 1936(?).
GIKOVATE, Flavio. Cigarro, um adeus possível: Uma proposta prática e cheia de calor humano para você se livrar de vez desse inimigo íntimo e da saudade dele. 2º ed., São Paulo: MG Editores Associados, 1990.
GILBERT, Richard J. Cafeína (Coleção Tudo Sobre Drogas). São paulo: Editora Nova Cultural, 1988.
GIOVANNI, Geraldo. A questão dos remédios no Brasil: Produção e consumo. São Paulo: Polis, 1980.
GOUVEA, João Joaquim de. Do envenenamento pela nicotina. Rio de Janeiro: These da Habilitação a um lugar de Lente Substituto da Secção de Sciencias Accessorias da Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, Typ. Universal de Laemmert, 1859.
GUIMARÃES, Eduardo Augusto Ribeiro. Dissertação sobre o uso e o abuso do café. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1882.
HAHNEMANN, Dr. Samuel. Os effeitos do café. Trad. João Ignacio Ribeiro. Rio de Janeiro, 1849.
HALHUBER, Dra. Carola. De fumante a não-fumante: Um programa de 7 etapas para livrar-se do hábito de fumar: Com tabela de controle de sucesso. Trad. Christian Wöhlcke Blundi. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1985.
HENKE, M. A cura de supressão do fumo, por meio da lobelina como adjuvante da psicoterapia. In: Revista de Psicologia Normal e Patológica, São Paulo, VIII (1-4): 174-175, jan./dez., 1962.
HENNINGFIELD, Jack E. Nicotina (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
HUNT, William Alvin Learning. Mechanisms in smoking. Research and Conference Sponsored by The American Cancer Society Chicago, Aldine, 1970.
HUSSON, C. Le café, la bière et le tabac: Étude physiologique et chimique. Paris, 1879.
JAKOVSKY, Anatole. L’épopée du tabac. Paris: Ed. d’Art et Industrie, 1971.
JUNIOR, João Baptista dos Anjos. Influência dos diversos modos de usar do tabaco. Bahia: Fac. de Med. da Bahia, these, Typographia e livraria de Eledroza, 1856.
KALINA, Eduardo. Psicologia do fumante. Trad. Reinaldo Guarany. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1987.
KOIFMAN, Max. Acusa-se o emigrante de Tobago. Trad. Pedro Neves de Carvalho. Lisboa: Editorial Caminho, 1988.
KOROLKOVAS, Andrejus. Fundamentos de farmacologia molecular: Base para o planejamento de fármacos. São Paulo: EDART, Ed. da Univ. de São Paulo, 1974.
LEVENTHAL, Howard. Sources of resistance to fear: Arousing communication on smoking and lung cancer. In Jornal of Personality Durham, North Carolina 34(2) 155-175, 1966.
LIEB, Clarence William. Fumez sans danger (SAFER SMOKING). Trad. française de Rachel Gayman. Paris: Ed. P. Horay, 1954.
LIMA, Marie Madeleine Hutyra de Paula. Funçoes sociais dos fármacos. In: Justitia, São Paulo, 198, v. 43, out./dez., n.115, p.18-102.
LOPES, Inácio da Cunha. Tabagismo. Rio de Janeiro: Graf. Barbero, 1942.
LORENZO-VELASQUES, B. Coloquio sobre tabaco y nicotina. Madrid: OTEO, 1970.
LOSSO, Igo. Os sérios malefícios do cigarro: Discurso pronunciado nas sessão do dia 2/9/1980. Brasília: Câmara dos Deputados, 1981.
LUCENA, Pedro. Os perigos do fumo: Discurso pronunciado pelo deputado na sessão 17/10/80. Brasília: Câmara dos Deputados, 1981.
LUNDAHL, L. O tabaco é veneno e a ruína da humanidade: Influência physica e moral do tabaco sobre o organismo humano resultado de indagações scientificas em varios paizes. Trad. do alemão pelo dr Thomaz Alves Nogueira. Rio de Janeiro: Eduardo e Henrique Laemmert, 1876.
MACEDO, Carlos Buarque de. Do uso e abuso do café. Rio de Janeiro: These apresentada a Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1882.
MAGALHÃES, Galeno Egydio José de. Porque e como combater o fumo. Salvador: Imp. Oriente, 1943.
MANTCHEV, Marco Ivanov. Como fumar sem prejudicar a saúde. São Paulo: Ed. e Graf. Sangar, 1980.
MARANJO, Plutarco. Manual de farmacologia, reacciones indeseables por drogas. Quito: Universitária, 1965.
MARIANO, Antonio Gabriel. Estudo sobre o nível de conhecimento de uma família sobre enfizema pulmonar como conseqüência do tabagismo. Rio de Janeiro: UGF, 1991.
MARQUES, Arsenio de Souza. Acção physiologica e therapeutica do café e do chá. Bahia: These apresentada e sustentada em novembro de 1869, Fac. Med. da Bahia, 1869.
MCGADDEN, Bernarr Adolphus. La verdad acerca del tabaco. Extractos de la obra "The truth about del tabaco, adaptación del prof. L. Mollá Serrano y E.P.C. Barcelona, Imp. J. Sabater, 1947.
MCGLOTHLIN, William M. Chemical comports of man: The future. In: The Journal of Social Issues, v. 27 n.3 selected articles issue, número especial, Los Angeles, Cal. 1971.
MEDEIROS, João. O prazer de fumar vale a pena? Rio de Janeiro: Tecnoprint, 1988.
MENDONÇA, João Garcez de. Descripção acção physiologica e therapeutica do nicotina tabacum. Bahia: Tese da Faculdade de Medicina da Bahia, C. Poggetti, 1858.
MÉPLAIN, Dr. F. Du café étude thérapeutique physiologique. Paris: Louis Leclerc Libraire-Éditeur, 1868.
MIRANDA, Luciana Galveas de. Tabagismo. Rio de Janeiro: UGF, 1989.
MONAVON ET PERROUD. Nouvelles experiences entre la caféine, la poudre, le rouge et l'extrait complet de kola. Lyon: 1892.
MOSELEY, Benjamin. A treatise concerning the properties and effects of coffee. The fifith editions. London: J. Sessell, 1792.
MOTTA, Ascanio Ferraz da. Considerações hyigienicas sobre o uso do tabaco. Bahia: Tese Fac. de Medicina da Bahia, Typ. de G. J. Bizerra, 1846.
NETTO, Carlos Bastos. Das perturbações do systema nervoso vegetativo produzidas pelo fumo. Rio de Janeiro: Trabalho feito para concorrer a livre docência de clínica médica, 1915. (folheto de 71 pág.).
NEVES, Roberto das. Método infalível para deixar de fumar: Precedido das doze razões por que não fumo e seguido da fórmula prática para um suicídio técnico e preveitoso. Rio de Janeiro: Germinal, 1979.
NOSHPITZ, Joseph D. A smoking episode in residential treatment unit. In: Amer. Journal of Orthopsych., Washington, 669-681, 1962.
OLIVEIRA, Antenor Santos de. Fumo, alcoolismo e drogas. São Paulo: Planim Press, 1980.
OLIVEIRA, Solange de. Tabagismo e enfisema pulmonar, avaliação dos conhecimentos dos enfermeiros no tratamento de prevenção. Rio de Janeiro: UGF, 1991.
PACHÁ, Jorge. Fumo, vício que mata. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1960.
PACHÁ, Jorge. É melhor não fumar. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1980.
PACHECO, Mario Victor de Assis. Abusos das multinacionais farmacêuticas. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira (Coleção Retratos do Brasil), 1983.
PACHECO, Mario Victor de Assis. A máfia dos remédios. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira (Coleção Retratos do Brasil), 1978.
PACHECO E SILVA A. C. Medicina psicossomática. RJ, MEC, Serv. de Doc., 1962.
PARANAGUÁ, Joaquim Nogueira. O fumo e seus efeitos no organismo humano. Casa Publicadora Batista, 1949.
PAULA, Ruben Descartes de G. O café solúvel: Seus recentes progressos técnicos industriais. Instituto Nacional de Tecnologia, 1946.
PETRIE, Sidney. Como parar de fumar em três dias. Sidney Petrie e Florence Rhyn Serlin. Trad. Tania Diaco. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1987.
PORTO, Celso Gonzaga. Razões e maneiras para você não fumar. Rio Grande do Sul/Paraná: Sagra Editora.
PROLLA, João Carlos. Mortalidade por neoplasias associadas ao tabagismo no Rio Grande do Sul, 1970-1989. Tese de doutorado Univ. Fed. Rio Grande do Sul, DPTO de Medicina Interna, 1991.
PRUDENT, Alfred Ludovic. Du tabac, de ses diffèrents usages et ses effets. Paris: These pour le doctorat em médecine, Fac. de Med. de Paris, 1859.
REBELO, Martinho Xavier. Breves reflexões hygienicas sobre o uso do tabaco... Rio de Janeiro: Typ. Universal de Laembert, 1849.
RÓIZ, José. (pseud.). Adeus gordura, adeus cigarro. Belo Horizonte: Oliveira, 1972.
ROMÃO, Cicero Alves. Os males advindos do fumo: Eu também já fui um tabagista. RJ, Pontual, 1990.
ROSENBERG, José. Tabagismo: Sério problema de saúde pública. São Paulo: Escolas Profissionais Salesianas, 1977.
ROSS, Walter Sanford. Você pode parar de fumar em 14 dias. Trad. de Francisco M. da Rocha Filho. Rio de Janeiro: Record, 1982.
SCOLNIK, Jaime. El tabaco, enemigo de la humanidad... 2º ed., Córdoba: Tall. Graf. Solá Hnos y Zampetti, 1946.
SHRYOCK, Haroldo. O fumo e o câncer do pulmão. Trad. Leoni Avila. Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1963.
SHRYOCK, Haroldo. Fumar distrai ou destrói? Santo André: Casa Publicadora Brasileira, 1976.
SILVA, Antonio do Nascimento. Que molestias predominam sobre os que se empregam nas fabricas de tabaco e charutos estabelecidas na cidade do Rio de Janeiro. Tese Fac. de Medicina do Rio de Janeiro, Typ de N. Lobo Viana Junior, 1852.
SILVA, José Isidoro da. Guerra ao alcoolismo e o vício de fumar. Urupês, 1965.
SILVA, Penildon. Farmacologia. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1980.
SILVEIRA, Ajax C. da. O drama do tabagismo: Causas, conseqüências e solução. 12º ed., Santo André SP: Casa Publicadora Brasileira, 1982.
SILVEIRA, Ajax César A morte ronda o fumante: Como deixar de fumar em cinco dias... Sto. André: Casa Publicadora Batista, 1967.
SILVEIRA, Ajax César. Fumar ou não fumar? 6º Ed., Sto. André: Casa Publicadora Brasileira, 1973.
SILVEIRA, Paulo Roberto Mattos de. Avaliação dos efeitos do fumo sobre o fluxo arterial periférico: Contribuição para um estudo epidemiológico e instrumental. Rio de Janeiro: Tese de Mestrado UFRJ, 1976.
SILVERMAN, Milton Morris. The drugging of the americas: Now multinational drug companies say one thing about their products to physicians in the United States and another thing to physicians in Latin America. Berkeley: University of California Press, 1976.
SOUZA, Alberto de. Contribuição ao estudo physiologico e therapeutico do café. These Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1910.
STACKERL, Karl Keinz. Psicologia del fumar. Karl Keinz e Ulrich Bartmann. Barcelona: Herder, 1977.
STAUT, Naíma da Silva. Manual de drogas e soluções. Naíma da Silva Staut, Maria Dorys Emmay Menacho Durán, Marta Janete Mulatti Brigatto. São Paulo: EPU, 1986.
STEWART, Louis. Smoking and rebelliousness: A longitudinal study from chilhood to maturity. In Journal of Consulting Psychology, Washington 30(3) 225-229, 1966.
SUSSEMBACH, Edgar. Tabagismo: Uma sentença de morte. Caxias do Sul: Ass. Médica de Caxias do Sul, 1973.
TORRES, Rosana de Paiva. Doenças tabaco associadas: Análise do nível de participação e atuação do enfermeiro na luta anti tabágica. RJ, UGF, 1991.
TOTH, Tihamér. Fumar? Taubaté: Ed. S.C.G., 1945.
TSO, Tien Chioh. Simple correlation and multiple regression among leaf characteristics smoke components, and biological responses of bright tocacos. D.C.: Agricultural Research Service, 1977.
VAILATI, Archimedes Edmundo. Tabagismo. Rio de Janeiro: Escola Técnica Federal Celso Suckow da Fonseca, 1967.
VANDER, Adrianus. (pseud.). O fumo e a saúde, os problemas de fumantes, resolvidos, fumantes que sofrem de nervosismo, más digestões, tosse, bronquite, asma, pressão alta, angina do peito etc. como fumar menos, como se livrar do fumo sem sofrer distúrbios adquirir mais saúde, vigor e bem estar. Trad. Lycurgo Gomes da Motta. São Paulo: Mestre Jou, 1968.
VITZ, Paul C. Masculinit of smokersand and the masculinity of cigarette images. In: J. of Appl. Psych., Washington 49(3): 155-159, 1965.
WHITBY, William. Fumar é bom para você. Trad. Luiz Corção. Rio de Janeiro: Record, 1983.
WITTERSHEIM, M. Les polluants atmospheriques: Etude psychophysiologique des effects de la fumee de tabac (nicotine) et de l'anhyarique carbonique: (Aide-memoire). Strasbourg: Univ. Louis Pasteur de Strasbourg, UER des Sciences Medicales, 1974.
ZIMENT, Irwin. Farmacologia e terapêutica respiratória. Rio de Janeiro: Interamericana, 1982.
ZIVY, Pierre. Le tabac: Son histoire et son bom usage. Paris: Union Generale d’Editions, 1965.
A turma da mônica em "pare de fumar perto de mim". Maurício de Souza Produções, Ministério da Saúde.
Academia nacional de medicina, seminário sobre o tabagismo. Rio de Janeiro, 1986.
Álcool, fumo e saúde. jan./mar., 1980, Santo André, São Paulo, Casa Publicadora Brasileira.
Brasil. Divisão Nacional de Saúde Mental - Manual de orientação para uso de psicofármacos. Brasília, 1983.
Brasil Secretaria Nacional de Programas Especiais de Saúde: Tabagismo e saúde: Informação para profissionais de saúde. Brasília: Ministério da Saúde, Centro de Documentação, 1987.
Brasil, Central de Medicamentos: O que é a CEME. Brasília: CEME, 1977.
Brasil, Min. Da Saúde inc controle do tabagismo: Um desafio. Rio de Janeiro, 1992.
Brasil. Serviço Nacional de Educação Sanitária. Fume se quiser, mas... Rio de Janeiro, 1966.
Brasil. Serviço Nacional de Educação Sanitária. Fumo, inimigo esperto, vertigens, caimbras, palidez, fastio, nervosismo, palpitações. Rio de Janeiro, 1958.
Centro Brasileiro de Informações Sobre Drogas Psicotrópicas. Catálogo de centros brasileiros para tratamento prevenção de dependência de drogas. São Paulo: CEBRID, 1991.
Comité de expertos de la OMS en farmacodependencia. OMS, Série Informes Tecnicos 808, 1991.
Conferência brasileira de combate ao tabagismo. 112 p. il. patrocinada pela Liga Espirito Santense Contra a Tuberculose, Vitória 6 a 8 de abril de 1980.
Conferência de debates sobre propaganda medica. Rio de Janeiro, II Conf. Clube das Girafas (ed.), 1967.
Datos sobre el habito de fumar y la salud. Editor: Public Health Service Publication, 1970.
Étude physiologique et clinique de la caféine. Revue thérapeutique des alcaloides, l.l., 1913.
FAC, Fumaça ambiental proveniente do cigarro. Rio de Janeiro: ABIFUMO, 1987.
Fumo ou saúde. In: A Saúde no Mundo, número dedicado ao assunto, Genebra, fev./mar., 1980.
Índice bibliográfico brasileiro sobre tabagismo. Associação Médica Brasileira, Comissão de Combate ao Tabagismo, 1994.
Informações sobre quimioterapia. Elaborado pela equipe de oncologia clínica do Hospital de Oncologia do INAMPS do Rio de Janeiro.
Los estragos del tabaco o resultado de la experiencia sobre o habito de tragar humo... Sabiago: Impr. del "Independiente", 1867.
Metodos para se deixar de fumar. Brasil, Ministério da Saúde, Instituto Nacional do Câncer, Rio de Janeiro, Programa de Oncologia, 1991.
NEPAD, Núcleo de Estudos de Pesquisa em Atenção ao Uso de Drogas. (panfleto informativo).
O globo. Rio de Janeiro 26 de agosto de 1994 O mundo, Ciência e vida. Resumo: psicólogo pesquisa relação entre o tabagismo e tendência ao suicídio entre estudantes secundários.
Organización Mundial de la Salud - Consecuencias del tabaco para la salud - Informe de um comité de expertos de la OMS. Genebra, 1975.
OMS - Lucha contra el tabaquismo epidemico. Genebra, 1979.
Comite OMS d'experts de la pharmacodependencia: Vingt-huitieme rapport. Geneve, 1991.
Comite OMS d'experts de la pharmacodependance: Vingt-septième rapport. Geneve, 1991.
OMS. Consecuencias del tabaco para la salud. Informe de um comité de expertos de la OMS, Genebra, 1975.
Lucha contra el uso del tabaco sim humo. Informe OMS, Genebra 1985
Organizacion Panamericana de la Salud. Encuentro sobre las caracteristicas del habito de fumar en America Latina. O.P.S. y OMS, Washington, 1977.
Porque controlar o tabagismo? INCA, Pro, Onco, Minis. Saúde.
Psicologia del fumador. Algel Garma et al, Buenos Aires, R. Alonso, 1971.
Rio, cidade maravilhosa. Secretaria Municipal de Saúde.
Symposia on psychopharmacology. Toquio e Osaca: Univ. School of Medicine, 1960.
Tabaco o salud: Situacion en las americas. Org. Pan de La Salud, 1992.
* Capítulo 2
O Álcool e o Alcoolismo
BIBLIOGRAFIA
ABREU GÓMEZ, Ermilo. El alcoholismo. Washington: Union Paramericana, 1955.
ALETTO, Pedro. O álcool: Conferência realizada na sessão exoterica de 19 de outubro de 1931 na sede do Círculo Esotérico em São Paulo, Ed. O Pensamento, 1931.
ALLEVI (GIOVANI). L’alcoolismo. U. Hoepli, 1906.
ALONSO FERNANDEZ, Francisco. La psicoterapia de grupo en alcoholicos. In: Rev. de Psicologia Gener. y Aplicada, Madrid, 515-525 jul./set., 1962.
ALONSO FERNANDEZ, Francisco. Las pruebas psicologicas en el diagnostico del alcoholismo. In: Revista de Psicologia General y Aplicada, Madrid, 269-289, 1968.
ANACLETO e ZEBEDEU. Depoimento de dois alcoolatras Anacleto e Zebedeu. Brasília: Ed. Graf. Brasiliana, 1982.
ANDRADE, Arthur Guerra de. Avaliação da eficiência terapêutica no alcoolismo. Tese de Doutorado USP, DPTO de psiquiatria, 1991.
ANTONINI, G. (prof.). Alcoolismo: Assistenza e trattamento dei alcooliste pella grossi e degli. Milano, [s.d.].
ARAÚJO, Mitiyo Shoji. Estudo das crenças sobre o alcoolismo. Porto Alegre: Tese de Mestrado Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 1983.
ARAÚJO, Vicente Antonio de. Os papéis desempenhados numa família que inclui um participante alcoolista: Abordagem psicodramática, psicanalítica e da teoria da comunicação. São Paulo: 1984. p. 36-55 Separata de: Psicodrama: Revista da Sociedade de Psicodrama de São Paulo n 3/9 ano 3 dez. 78 a dez. 81.
ARAÚJO, Vicente Antonio de. Para compreender o alcoolismo: Teoria e prática. 2º ed., São Paulo: EDICON, 1986.
ASSUNÇÃO, Ari Nunes. Ação do enfermeiro psiquiatra na assistência a clientes alcoolistas. Porto Alegre: 1983.
AVELLAR, Oswaldo da Cunha. O alcoolismo e sua conseqüência. Rio de Janeiro: Tese Faculdade Hahnemanniana, Empreza Brasil, 1922.
AZEVEDO, Belarmino Alves de. Temas em alcoolismo. Tese livre docência, UERJ, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, 1991.
AZEVEDO, Caetano Antonio de. Do alcoolismo chronico e suas consequencias. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. Rio de Janeiro em 10 de set. 1883, Typ. Militar, 1883.
AZEVEDO, Eliane Macharet de. O alcoolismo e as empresas. Rio de Janeiro, UGF, 1990.
BACELLAR, Feliciano Teixeira da Matta. Acidentes nervosos do alcoholismo. Bahia: These inaugural, Typ. da Tribuna, 1878.
BALBACH, Alfons. O álcool e a saúde. 19º ed., São Paulo: Edições A Edificação do Lar, 1984(?).
BARROS, Dr. Galeno de Revorêdo. Do alcoolismo na infância sob o duplo ponto de vista clinico e social (These). Rio de Janeiro: Typ. Carvalhaes, 1905.
BASILIO, Tarsiano. O problema jurídico do alcoolismo. Reflexões sobre o divórcio. Comunicados feitos à Sociedade Jurídica Sto Ivo e ao Instituto dos Advogados. Rio de Janeiro, 1930.
BELLA, Dr. Gregorio Mauricio. Do Alcoolismo chronico e suas consequencias. Rio de Janeiro: These apresentada a Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1883.
BENON, Dr. R. L’alcoolisme cérébral. Paris, 1924.
BOERNGEIN, Roseli. Avaliação da administração aguda e crônica de diferentes doses de etanol em animais de laboratório: Relevância do efeito excitatório na administração crônica. São Paulo: Tese de Mestrado Escola Paulista de Medicina, 1979.
BONETTI, Ubaldo. Richerche psicometriche e psicologiche negli etiliste cronici. In: Archivio di Psicoligia Neurologia e Psichiatria, Milano, 119-142, 1965.
BORGES, Francisco Xavier. Prophylaxia da tuberculose, da syphylis e do alcoolismo. Bahia: These apresentada à Fac. de Med. da Bahia..., Litho-Typ. Encad. Reis e C., 1907.
BOUCHANDAT, M. Do emprego dos alcoolicos em geral e do vinho de S. Raphael em particular nos paizes quentes. Drime, France.
BRAGA, José Simpliciano Monteiro. Do alcoolismo chronico e suas consequencias. These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, Machado e C., 1883.
BRAGA, Maria Cely. Caracterização de um grupo de alcoólicos na área da medicância: Um estudo de campo. Dissertação de Mestrado PUC, DPTO de Serviço Social, 1977.
BRAGA, Maria Helena Paranaguá. Alcoolismo: Um estudo sobre as causas e conseqüências do álcool sobre o organismo humano com algumas sugestões de tratamento Rio de Janeiro: UGF, 1991.
BROWN, N. A. Alcoholic profiles on the Minnesota Multiphasic. In: Journal of Clinical Psychology; Vermont, University of Vermont, 1950.
BULLOCK, Samuel C. The interrelatedness of alcoholism and marital conflict. 2. The interaction of alcoholic husbands and their nonalcoholic wives during counseling. In: Amer. J. Orthopsych, 519-527, Washington, 1959.
CADEAC, C. Contrinuition a l'étude de l'alcoolisme étude physiologique de l'eau d'arquebuse ou vulnéraire. Par C. Cadeac et Albin Meunier, Paris, 1892.
CALDERÓN, Narváez Guilhermo. Consecuencias sociales y economicas de la ingestion anormal alcohol. In: Revista Mexicana de Psicologia, México, 29-47 may, 1970.
CAMPBELL, Drusilla. Drogas e álcool no local de trabalho. Drusilla Campbell e Marilyn Graham. Tradução de Hélio Amaral. Rio de Janeiro: Nórdica, c1988, 1991.
CANELOS, Patricio. Manifestaciones psicologicas y psiquiatricas de alcoholismo cronico en la poblacion indigena. In: Archivos de Criminologia, Neuro-Psiquiatria y Disciplinas Conexas, Quito 92-115, 1967.
CARDIM, Mariza de Souza. Antecedentes familiares na determinação da gravidade do alcoolismo. Rio de Janeiro: UFRJ, Ist. Psicologia, 1993.
CARNEIRO, Dr. Hauvel Clementino de Barros. Acção physiologica e therapeutica dos alcoolicos. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro..., 1883.
CARVALHO, Jorge Negreiros de. Prevenção de abuso de álcool e drogas na adolescência: Uma proposta alternativa al fornecimento de informações. Arquivos Brasileiros de Psicologia, Rio de Janeiro, v.42(2): 45-56 mar./maio, 1990.
CARVALHO, Tito de Sá Macedo. Dos alcoolicos sua acção physiologica e therapeutica. Rio de Janeiro: These apresentada a Fac. de Med. do Rio de Janeiro..., 1888.
CASANOVA, RAPHAEL. Intoxication chroniques par l'alcool, l'absithe et le vulnéraire... Paris, 1885.
CASCUDO, Luis da Câmara. Prelúdio da cachaça: Etnografia, história e sociologia da aguardente no Brasil (Coleção Canavieira nº 1). Rio de Janeiro: Divulgação do Instituto do Açúcar e do Álcool, 1968.
CASTRO, Josue de. Alcoolismo, drogas e sexo: Mesa redonda. Relator: Josue de Castro, Fortaleza: (s.n.), Impr. Univ. da UFCE, 1980.
CAVALCANTI, Adalberto Lira. O alcoolismo: Escola do vício e do crime. Recife: Conferência realizada no DPTO de Saúde e Assistência 17 de out. de 1928, durante a Semana Anti-Alcoólica, Directoria de Estatística, Propaganda e Educação Sanitária, 1928.
CERDA, D. Jorge Rodriguez. La question al alcoholismo: El monopolio e el impuesto. Memoria... Edicion oficial, Santiago de Chile, 1899.
CHAFETZ, Morris E. Du bom usage d'alcool. Trad. et adapt. de Roger Blondel. Paris: R. Laffont, 1966.
CHAVES, Andrelino. O álcool... Curitiba, 1943.
COATES, Madelaine. Alchol and you patient: A nurse's handbook. Madelaine Coates, Gail Paich, Addiction Research, Foudation of Ontario, 1976.
COHEN, Pauline C. Casework with wives of alcoholics. Pauline C. Cohen e Merton S. Krause. New York: Family Service Association of America, c1971.
COLQUHOUN, W. P. Interation of noise with alcohol on a task of sustained attention. In: Ergonomics, London, 18(1): 81-7; jan., 1975.
COSTA, Walter. Alcoolismo e herança mórbida, conferência na faculdade de medicina, na "Semana dos Doutorandos" em 13 de setembro de 1927, Bahia, Imp. Official do Estado, 1928.
COUTO, Cacilda Castro do. Alcoolismo repercussões ocupacionais e os programas de assistência ao dependente alcoólico em empresa estatal: Uma amostragem. Rio de Janeiro: UGF, 1989.
COUTO, Miguel. Alcoolismo. Rio de Janeiro: Arquivos Brasileiros de Medicina.
CRADDICK, Ray A. Note on the height of draw-a-person figures by male alcoholics. In: Journal of Projective Techniques e PersonalitY Assessment, California, 486-oct: 1968.
CRUZ, Cunha O problema do alcoolismo no Brasil, apelos aos Exmos. Snrs. Representates do poder público e á imprensa no Brasil. Rio de Janeiro: Typ. do Jornal do Comercio, 1906.
CRUZ, Dr. Cunha. Ensino anti-alcoólico. Rio de Janeiro: Typ. Besnard Frères, 1908.
CRUZ, Flavio Augusto de Oliveira. Alcoolismo e trabalho: Uma análise das interações entre a doença alcoolismo, o beber excessivo e a categoria trabalho. Rio de Janeiro: UGF, 1992.
CUELLAR ORTIZ, Carlos Lazaro. El desarrollo de alcoholicos anonimos em El Salvador. In: Rev. Mexicana de Psicologia, México 407-432, 1965.
CUNHA, Dr. Cesar A. P. da. Acção phisiologica e therapeutica dos alcoolicos. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro..., 1882.
D’ALBUQUERQUE, Luiz A. Carneiro. Doença hepática alcoólica. Luiz A. Carneiro D’Albuquerque, Adávio Oliveira e Silva. São Paulo: Sarvier, 1990.
D’A BUSNELLO, Ellis. Os grupos de A.A. notas sobre o sentidos e a dinâmica de sua organização. In: Neurobiologia, Recife, Jan. 67-80, 1967.
DAVID, Fabio Cleto. Alcoolismo em geral. Alcoolismo. Bahia: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, Imprensa Economica, 1907.
DÁVILA, Benjamim. El alcoholismo i la reglamentation de las bebidas alcoholicas. Santiago de Chile, 1899.
DE LA BARRA, Luis Leon. Algunos aspectos psicosociales del alcoholismo. In Rev. Mexicana de Psicologia, México, 751-757, 1966.
DIAS, Thales de Oliveira. Embriaguez alcoolica: Estudo médico legal. Rio de Janeiro: Jornal do Comércio Rodrigues, 1955.
DOYLE, Iracy. Alcoolismo. In: Nosologia psiquiátrica. Rio de Janeiro: Casa do Estudante do Brasil, p.406-420, 1965.
DUCHÊME, Henri. Tratamento do alcoolismo. Trad. de Guerino Boffoni. São Paulo: Paulinas, 1960.
DUCHÊNE, Enrico. La cura del l'alcoolismo, di Enrico Duchêne. Trad. di Mario Ianuale. Roma: Paoline, 1955.
EDWARDS, Griffith. O tratamento do alcoolismo. Trad. José Manoel Bertolete. São Paulo: Liv. Martins Fontes, 1987.
ELGELS, Jacques Vieira. Alcoolismo. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 29(6) 385-394, nov./dez., 1980.
ENGEL, Jaques Vieira. Alcoolismo e hábito de beber. Rio de Janeiro: Tese de Mestrado, Instituto de Psiquiatria UFRJ, 1977.
ESCH, Ricardo. Você e o alcoolismo: Uma proposta de ação. Rio de Janeiro: Qualitymark, 1991.
ESCOBAR, Rafael Garcia. El alcoholismo y sus efectos. Libro de lectura para todos los ciudadanos... San Salvador, 1930.
F. L., Renato. O alcoolismo na transa do percebimento. São Paulo: COREGRAF, 1976.
FAIDHERBE, Dr. Alex. Leçons sur l'alcoolisme. Paris: Librairie J.-B. Baillière e Cie., 1904.
FAZEY, Cindy. The aetiology of psychoactive substance use: A report and critically annoted bibliography on research into the aetiology of alcool, nicotine, opiate and other psychoactive substance use. Paris, França: UNESCO, 1977.
FELDMAN, Helio. Álcool: Fator de risco na gênese do acidente de trabalho. Rio de Janeiro: UGF, 1984.
FERRARINI, Edson. O que devem saber pais, professores e jovens: Tóxico e alcoolismo! São Paulo: Edição do autor/SYNTEX.
FERRAZ JUNIOR, João Borges. Considerações sobre as bebidas alcoholicas e os efeitos perniciosos resultantes de seu abuso. Bahia: These apresentada à Fac. de Med. da Bahia, Tip. de G. J. Bezerra, 1846.
FERREIRA, Antonio. Orientação como deixar de beber compilado de fatos reais daqueles que já sofreram as amarguras do vício e hoje estão recuperados... São Paulo: Signo Artes Gráf.
FERREIRA, Tania Kadima Magalhães. Aplicação de um programa de detecção de alcoolismo em empresa. Rio de Janeiro: UGF, 1991.
FIGUEIREDO, C. A. Alcohol y accidentes del trafico. In: Revista de Psicologia General Y Aplicada; Madrid, Instituto Nacional de Psicotécnica, 1951.
FILHO, Dr. Moncorvo. Alcoolismo infantil. Conferência pelo Dr. Moncorvo Filho. Rio de Janeiro, 1928.
FISHMAN, Ross. Alcoolismo (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
FLORIAN NUREÑA, Anila. Ascorbinemia en alcoholismo cronico. In: Arch. de Criminologia Neuro-Psiquiatria y Disciplinas Conexas, Quito 32-40, 1962.
FONSECA, Marcia Magalhães. A experiência da mudança: De Gregory Bateson aos Alcoólicos Anônimos. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado, Instituto Superior de Estudos e Pesquisas Psicossociais - Centro de Pós-graduação em Psicologia, Fundação Getúlio Vargas, 1989.
FORD, John C. Depth psychology morality and alcoholism. Weston, Mass, Weston College, 1960.
FORTES, José Roberto de Albuquerque. Alcoolismo: Diagnóstico e tratamento. José Roberto Fortes de Albuquerque, Walter Nelson Cardo. São Paulo: Sarvier, 1991.
FORTES, José Roberto de Albuquerque. Alcoolismo. São Paulo: Sarvier, 1975.
FRANCO, Guilherme Victorio. Álcool e nutrição, conferência pronunciada durante a semana anti-alcoolica no auditório do SAPS, em outubro de 1949. Rio de Janeiro: SAPS, 1952.
FREITAS, Antonio de Souza. Das modificações que sofre o álcool no organismo. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1887.
GALLIS, Joaquim Alfredo. A taberna. Lisboa: Liv. Central de Gomes de Carvalho, 1903.
GALTIER-BOISSIÈRE, Dr. Contra o alcoolismo... Pelo Dr. Galtier-BoisSière. Versão livre da 20a. pelo médico naturista Dr. Ardisson Ferreira, Porto, 1912.
GIERUS, Friedrich. Enfrentando o alcoolismo: Análise e respostas a partir da fé evangélica. São Leopoldo: Sinodal, 1988.
GITLOW, Stanley E. Alcoolismo: Um guia prático de tratamento. Stanley E. Gitlow, Herbert S. Peyser. Porto Alegre: Artes Médicas, 1991.
GLOVER, E. The etiology of alcoholism. In On the Early Development of Mind, pág. 81-90, New York, International Universitites press, 1956.
GONÇALVES, Odair Dias. Só socialmente. Odair Dias Gonçalves e Francisco Inácio Bastos (orgs). Rio de Janeiro: Relume - Dumará, 1992.
GRANT, Marcus ed. Respuesta a los problemas de drogas y de alcohol en la comunidad: Manual para los agentes de atención primaria de salud com orientaciones para los instrutores. OMS, 1992.
GRIVEAU, Paul. L’alcoolismo fléu social. Moeurs, legistation. Droit comparé. Paris, 1906.
GRÜSSER, Dr. Liberato Adolfo. Do alcoolismo. Rio de Janeiro: These apresentada a Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1861.
GUIMARÃES, Artur Ribeiro. O alcoolismo: O vício de fumar (tabagismo) seus prejuízos sobre o ser humano e sua descendência. Rio de Janeiro: Palestra proferida na sede da Fraternidade Branca Rosa Cruz Antiga, Hostiano Nunes, 1937.
HAMPTON, P. J. A psychometrie study of drinkers. In: Journal of Counsult Psychology, Washington, The American Psychological Assossiation, 1952.
HAMPTON, Peter Jan. The development of a personality questionnaire for drinkers. In: Genetic Psychology Monographs, Massachusets, 1953.
HERNANDEZ ACUILERA, Arturo. El alcoholico es um enfermo. In: Revista Mexicana de Psicologia, México 458-469, 1965.
HERRIOT, Edouard. El problema del alcohol: Del libre "crear". Trad. por Alfredo Avalos. Santiago de Chile, 1921.
JAGUARIBE, Domingos. O veneno moderno: Causas da degenerescência social. São Paulo: O Pensamento.
JAGUARIBE, Dr. Domingos. Da fundação de um abrigo para alcoolistas pobres. São Paulo: Typographia do Diário Official, 1906.
JAGUARIBE FILHO, Domingos José Nogueira. Necessidade de abolir o alcool das refeições. São Paulo: Conferência realizada pelo Dr. Jagaribe em 30 de out. no VII Congresso dos Cooperadores Salesianos, Escolas Profissionaes Salesianas, 1915.
JAGUARIBE FILHO, Domingos José Nogueira. Combate ao alcoolismo. São Paulo: Conferência pronunciada no salão do Instituto histórico e geographico de São Paulo, em 16 de janeiro de 1917 a convite da Sociedade "Renascença Naturista".
JAGUARIBE FILHO, Domingos José Nogueira. Contra o alcoolismo, hygiene preventiva e repressiva psycoterapica. Rio de Janeiro: Conferência de propaganda anti-alcoolica promovida pela Sociedade Vegetariana Brazileira na Capital Federal, Typ. Trani, 1922.
JAGUARIBE FILHO, Domingos José Nogueira. Monographia a respeito do alcoolismo e do seu tratamento pelo hypnotismo e a suggestão. São Paulo: Apresentada no Congresso Latino Americano de Buenos Ayres, Typ. J. de O. Guimarães, 1904.
JOHNSON, Vernon Elso. Chega de beber: Guia prático para o tratamento do alcoolismo. Petrópolis, RJ: Vozes, 1992.
JORGE FILHO, Adriano Augusto Araujo. Alcoolismo e involução humana, repressão e prophylaxia do alcoolismo: Hygiene social. Salvador: Imp. Moderna de P. de Carvalho, 1900.
KARP, Stephen A. Differentiation in alcoholic women. In: Journal of Personality; Durham, W.C. 37(3) 386-393: 1963.
LADRAGUE, Paul. Alcoolisme et enfants. Paris: G. Steinheil, 1901.
LAVALLE, Dr. Francisco P. El alcoholismo: Conferencia. Buenos Aires, 1909.
LAZO, Donald M. Alcoolismo: O que voce precisa saber. São Paulo: Edições Paulinas, REINDAL, 1989.
LEAL, Eutychio. Das perturbações mentaes do alcoolismo chronico. Salvador: Trabalho do Hospicio São João de Deus, Libro Typ Almeida, 1913.
LEGRAIN, Maurice Paul. Un fléau social, l'alcoolisme. Paris.
LESSA, Dr. Severino. Como resolver o problema do alcoolismo no Brasil. Rio de Janeiro: Conferência realizada na Liga de Hygiene Mental em 1º de outubro de 1927.
LIMA, Aristofanes Barbosa. Alcoolismo congênito e anarcoolismo, aspecto social, biológico e jurídico do problema. Tese apresentada a primeira conferência Pan Americana de Criminologia, Rio Graf Olímpica, 1951.
LIMA, Dr. Hermeto. O Alcoolismo no Rio de Janeiro... Rio de Janeiro: Imp. Nacional, 1914.
LIMA, Manuel Cintra Barbosa. Alcoolismo hereditário (These). Rio de Janeiro: Typ. Carvalhaes, 1904.
LOIOLA, Inácio. Vítimas do alcoolismo. 2º ed., Porto Alegre: Edições Caravela, 1987.
LOTUFO NETO, Francisco. Relações alcoolismo e estados fóbicos e ansiosos. Tese Doutorado USP, DPTO de psiquiatria, 1991.
LOYOLA, Ophir Pinto de. Do abafamento da 2º bulha na base, no alcoolismo chronico: Signal de Sylvio. Pará: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, Typ. da Livraria de A. Loyola, 1909.
LUSHBAUGH, Clarence Chancelum. The effect of alcholic intoxication upon acquired resistance to peneumoccal infection in rabbits... 1943.
M. FRÈRE-ORBAN. De l'abus de boissons enivrantes. Renseignements déporés a la chambre des réprésentantes. Bruxelas, 1868.
MAGALHÃES, Galeno. Porque e como combater o fumo. Imprensa Oriente, 1943.
MALIGNAC, Georges. O alcoolismo (Coleção Alimentação e desenvolvimento nº 2). Trad. Nina Passos Souza Leite. Lisboa: Edições Itaú.
MANFREDINI, Jurandir. A incidência do alcoolismo psicopático no Brasil. In J. Bras. de Psiq., 141-151, Rio de Janeiro, 1956.
MANSON, Morse P. A psychometric analysis of psychoneurotic and psychosomatic characteristics of alcoholics. In: Journal of Clinical Psychology, 77-83, Vernon University, Vermont, 1949.
MANTA, Inaldo de Lira Neves. O alcoolismo na arte e na psychiatria. Rio de Janeiro: Conferência realizada na Soc. de Med. e Cir. sob os auspícios da Liga Bras. de Hyg. Mental, Flores e Manto, 1932.
MARCHINI, Julio Sergio. Necessidades proteicas de alcoolatras cronicos (Cadernos de Divulgação Cultural). José Eduardo Dutra de Oliveira e Julio Sérgio Marchini. Bauru SP: FASC, 1985.
MARTIN GARCIA, José. Nota previa sobre el test miocinético de Mira Y Lopes en enfermos alcoholicos. In: Revista de Psicologia General Y Aplicada, Madrid, 24(99-100 \ 290-293, 1969).
MARTINS, Maria Cristina C. A. Em busca de uma compreensão do trabalho do terapêutico dos alcoólatras anônimos. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 29(4): 271-274 / jul./ago., 1970.
MARTINEZ, Francisco Eduardo. Estudo morfológico do lobo ventral da prostrata de ratos (Rattus norvegicus) submetidos ao alcoolismo cronico experimental. Dissertação de Mestrado, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, UNESP, Instituto de Biociências, 1991.
MASCARENHAS, Eduardo. Alcoolismo, drogas e grupos anônimos de mútua ajuda. 2º ed., São Paulo: Siciliano, 1990.
MASUR, Jandira. O que é alcoolismo. São Paulo: Brasiliense, Coleção Primeiros Passos 205, 1988.
MASUR, Jandira. A questão do alcoolismo. São Paulo: Brasiliense, 1984.
MATOS, Helcio Fernando. Epidemiologia do alcoolismo: Uma revisão na América do Sul. Rio de Janeiro: Tese de Mestrado UFRJ, 1979.
MAYFIED, Demmie G. Holtzman. Inkbloot tecnique in acute experimental alcohal intoxication. In: Journal of Projective Techniques e Personality Assessment, Assessment, California 491-494, 1968.
MCCARTHY, Raymond G. Counseling in alcoholism. In: Harms, Ernest, Handbook of conseling Tecniques, p.420-432, New York, The Macmillan co, 1963.
MCNAMARA, John N. The disease conception of alcoholism: Its therapeutic value for the alcoholic and his wife. In Social Casework, 480-465, New York, 1960.
MDMAGNO. O porre e o porre de Quincas Berro D'Água. Rio de Janeiro: Seminário de 1980, Editora Aoutra Ltda, texto estabelecido por Potiguara Mendes da Silveira Jr., 1985.
MELO, Jose Messias de. Da escravidão alcoólica a libertação cristã. 2º ed., Rio de Janeiro: Casa Publicadora das Assembléias de Deus, 1984.
MENAKER, Thomas. Anxiety about drinking in alcoholics. In: Journal of Abnormal Psychology, Washington, 72(1): 43-49: 1967.
MILAN, James Robert. Alcoolismo: Os mitos e a realidade. James Robert Milam e Katherine Ketcham. Trad. Auriphebo Berrance Simões. 2º ed., São Paulo: Nobel, 1986.
MILES, Walter Richard. Alcohol and human efficiency experiments with moderate quantities and dilute solutions of ethyl alcohol on human subjects... Washington: Carnegie Institution of Washington, 1924.
MILES, Walter Richard. Effect of alcohol on psycho-physiological function... Washington: Carnegie Institution of Washington, 1918.
MILITÃO, Mario Nadir de Sales do Amaral. Mulheres de alcoolistas: Um estudo das dificuldades de comunicação no casamento, do ponto de vista das mulheres de alcoolistas. Dissertação de Mestrado, PUC/SP, Faculdade de Serviço Social, 1991.
MINJARD, Louis. L’alcool: L'alcoolisme, ses consequences, ses dangers... Avec un préf. par M. Eugene Prothière... Paris: A. Maloine, 1900.
MM. CHAUFFARD ET GIRALDES. De la gravite des lesions traumatiques et des operations chirurgicales chez les alcooliques. Paris: Comunication a l’Academie de medicine, 1871.
MONCORVO FILHO, Artur. Alcoolismo infantil. Rio de Janeiro: Conferência realizada em 18 de outubro de 1927 na Liga de Hygiene Mental, P. Pongetti, 1928.
MONCORVO FILHO, Artu. El alcoholismo infantil. Barcelona: Conferência dada el 15 marzo 1905, Establecimiento Tipográfico J. Vives, 1905.
MOSER, Joy. Problems et programmes relatifs a la dependence a l'egard de l'alcool et des drogues dans 33 pays. Geneve, Suisse: OMS, 1974.
MOTTA, Ascanio Ferras da. Considerações hygienicas sobre o uso do tabaco. Bahia: Typographia de Galdino Jose Bizerra e Companhia, tese, Faculdade de Medicina da Bahia, 1846.
NASCIMENTO, Marcia Martins do. O alcoolismo: Um estudo feito sobre a presença na empresa e os fatores que influenciam o seu aparecimento. Marcia Martins do Nascimento e Suzana de Alvarenga Natal. Rio de Janeiro: ESS/UFRJ, 1993.
NAVARRETE, Luis A. El alcohol, alcoholismo e su repression. Por Luis A. Navarrete y Conrrado Rios. Santiago de Chile, 1899.
NERY FILHO, Antonio. Normas e precedimentos na abordagem do alcoolismo. 2º ed., Brasília: Min. da Saúde, Coord. de Saúde Mental, 1994.
NETTO, Dr. José Fructuoso Dias. Os perigos do álcool (These). Rio de Janeiro: Typ. Moraes, 1905.
NOBRE DE MELLO, A. L. Tratamento do alcoolismo crônico. In Jornal Brasileiro de Psiquiatria Rio de Janeiro, 37-48, Instituto de Psiquiatria da Universidade do Brasil, 1953.
NÓBREGA, Agripino F. A justiça na repressão ao alcoolismo. Recife: Imp. Of., 1956.
NOYES, Arthur. Alcoholism and alcoholic psychoses. In: Modern Clinical Psychiatry, p.165-181, Philadelphia, W.B. Saunders co, 1964.
OLIVEIRA, Pedro Baptista de. O flagelo alcoolico e a sociedade, medidas de repressão e prophylaxia... Rio de Janeiro: These apresentada à Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, Typ. Altina, 1902.
ORANTES NAVAS, Jeronimo. El alcoholismo: Ruina de la humanidad... Consejós para prevenirlo. Guatemala: Tall Tip "El Faro", 1957.
OTTONI, Dr. Eloy. Breve notice de um trabalho do Dr. Hagman sobre alcool e absinthe nova hypothese sobre hallucinação. São Paulo.
PALMIERE, Vincenzo Mario. L’alcoolismo como problema medico legale. Milano, 1933
PARREIRAS, Decio. Escravos do álcool: Para sociólogos, magistrados, higienistas. Rio de Janeiro: Comissão Nacional de Fiscalização de Entorpecentes, 1966.
PARREIRAS, Décio. O álcool não é a causa do alcoolismo. Rio de Janeiro: Capitolio, 1953.
PASSALACQUA, Monsenhor Dr. O alcoolismo em face da religião. São Paulo: Typographia do Diario Official, 1906.
PEARSON, A. W. El tratamiento del alcoholismo de mexicanos que viven em los Estados Unidos. In: Revista Mexicana de Psicologia, México 358-362, 1964.
PEDROSA, Dr. Jonathas. Do alcoolismo como causa de degeneração (These). Rio de Janeiro: Bernard Frères, 1900.
PEIXOTO, Dr. Manuel Rodrigues. Conferência sobre o alcoolismo feita no salão da exposição dos aparelhos a alcool no Rio de Janeiro a convite da Lig. Brasileira Contra a Tuberculose no dia 31 de out. de 1903. Rio de Janeiro, 1905.
PETIT, Docteur A. -L. Conférences sur l'alcoolisme par le docteur A.-L. Petit. Avec une préface de M. E. Vallin. Deuxième édition, Paris, 1905.
PHILLIPON, Odette (et outros). Problemès sociaux la prostituition l'alcoolisme et logement. Arthème Fayard, Centre Catholique des Intellectuels français, Paris, Recherches et debats, Nouvelle Série, 9, 1954.
PINTO, Solange Peres Rosa. A influência dos fatores ambientais e da organização do trabalho no desenvolvimento do alcoolismo. Rio de Janeiro, UGF, 1991.
POLLACK, Donald. Coping and avoidance in inebriated alcoholics and normals. In: Journal of Abnormal Psychology, Washington, 71(6): 417-419, 1966.
PORTER, L. La loi et la traitement de la pharmacodependance et de l'alcooldependance: Estude comparative des legislations existants. Geneve: OMS, 1988.
PRISCO, Dr. Francisco. Contra o alcoolismo. Rio de Janeiro, 1929.
PUEL, Elisia. Padrões de interação da família alcoolica. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado PUC-RJ, 1991.
RAIMUNDO, Jose Guilherme. Alcoolismo psicotrópicos e psicoses. São Paulo: LEUD, 1983.
RAMOS, Antonio Gonçalves. Accidentes nervosos do alcoolismo. Bahia, 1876.
RAMOS, Francisco Joaquim da Silva. Accidentes nervosos do alcoolismo (These). Bahia, 1879.
RAMOS, Sergio de Paula. Alcoolismo hoje. Porto Alegre: Artes Médicas, 1987.
READER, D. H. Sociological aspects of alcoholism. In: Psychologia Africana Johannesburg 197-205, 1964.
REHFELDT, Klaus H. G. Alcool e trabalho: Prevenção e administração ao alcoolismo na empresa. São Paulo: EPU, 1989.
REINACH, Joseph. Contre l'alcoolisme. Deuxième mille, Paris, 1911.
RIANT, Aimé. L’alcool et le tabac... 2º ed., Paris: Lib. Hachette, 1876.
ROCHA, Luiz Carlos. Jovem e droga: Álcool, fumo, plantas tóxicas, maconha. São Paulo: Edições Loyola, 1987.
RODRIGUES, H. Ferreira Lopes. Psychopathologia do alcoolismo. Belo Horizonte: Imp. Official de Minas Gerais, 1933.
ROSA, Adalberto Jesus Silva da. Assistência de enfermagem a alcoolistas: A opinião de 21 enfermeiros. Dissertação de Mestrado Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, Dpto de enfermagem psiquiátrica e ciências humanas, 1991.
RUFINO, Mario Sergio Moura. Alcoolismo no trabalho. Rio de Janeiro: UGF, 1989.
SALLES, Milton. Embriaguez sob o ponto de vista médico legal. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, Rio de Janeiro, Instituto de Psiquiatria da Universidade do Brasil, 1955.
SANTODOMINGO CARRASCO, Joaquim. Aportaciones de la psicologia clinica a la problematica del alcohol. In: Revista de Psicologia General y Aplicada, Madrid 43-64, 1964.
SCHUCKIT, Marc Alan. Abuso de álcool e drogas: Uma orientação clínica ao diagnóstico e tratamento. Trad. Ane Rose Bolner. Porto Alegre: Artes Médicas, 1991.
SENISE, Nelson. Pare de beber: Alcoolismo, um problema psicológico. Rio de Janeiro: Record, 1975.
SILVA, João Serras e. O alcoolismo. Coimbra: Imprensa da Universidade, 1898.
SILVA, M. Nelson da. A embriaguez e o crime. Rio de Janeiro: Forense, 1968.
SILVA, Maria de Lourdes da (org.). Alcoolismo: Um problema com o qual muitos convivem, porém poucos conhecem. 2º ed., São Paulo: EDICON, 1987.
SILVEIRA, Ajax César. O drama do alcoolismo: Causas, conseqüências e solução. São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, 1979.
SNYDER, Charles. Ebriedad. Alcoholismo y anomie. In: Clinard, M. Anomie y conducta desviada, 201-226, Buenos Aires, Paidos, 1967.
SOARES DE BRITO, Nélio. A psicoterapia de grupo na recuperação dos alcoolistas. In: Revista de Psicologia Normal e Patológica, São Paulo, pág. 209-216, jul./dez., 1967.
SONENREICH, Carol. Contrinbuição para o estudo da etiologia do alcoolismo. São Paulo: Tese Medicina USP, Revista dos Tribunais, 1971.
SOUZA JR., Luiz Ribeiro de. Dos alcoolicos sua acção physiologica e therapeutica. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1880.
STARRELS, R. J. Alcoholism and the commitment to therapy. In: Amer. J. Psychother. Pa, 719-727, 1960.
STONE Anthony. An interview method for assessing alcoholism. In: American Journal of Orthopsychiatry, Washington 564-572, 1965.
THIESEN, Bruno. É o alcoolismo uma doença? Relatos de um alcoólatra que alcançou a sobriedade. Florianópolis: Ed. da UFSC, 1987.
TIEBOUT, Harry M. The interrelatedness of alcoholism and marital conflict. 1 . Alcoholism: A definition and a note on the background of current research. In: Amer. J. Orthopsych., 513-518, Washington, 1959.
TOSI, José. A ação biológica do álcool. São Paulo: Poasi, 1918.
TÓTH, Tihamér, Bispo. Sê sobrio. 2º ed., Petrópois, RJ: Vozes, 1958.
TOURINHO, Carlos Alberto. Accidentes nervosos do alcoolismo. Bahia: These apresentada à Fac. de Med. da Bahia para doutoramento, 1876.
TUREGANO, José F. Alcoholismo. In Revista de Psicologia General y Aplicada, Madrid.
TWERSKI, Abraham J. Como proceder com o alcoólatra. Trad. Auriphebo Berrance Simões. São Paulo: Edições Paulinas, REINDAL, 1986.
USHER, J. E. Alcoholism and its treatment. New York, London, 1892.
VALENZUELA, Adeodato Garcia. El alcool i las bebidas espirituosas, su reforma legal i social. Santiago de Chile: Imp. Nacional, 1899.
VEYGA, Francisco de. Proyecto de creacion de un servicio especial policial para assistir a los alcoholistas detenidos... Buenos Aires: La Semana Médica, 1900.
VIANA, Lourival Vilela. Embriagues no direito penal. Belo Horizonte: Imp. Oficial, 1949.
VILHENA, Mathias Antonio Moinhos de. Do uso e abuso das bebidas alcoolicas. Rio de Janeiro: These apresentada à Fac. de Med. do Rio de Janeiro, 1882.
VIZZOLTO, Salete Maria. Um show de rock: Os adolescentes e a prevenção ao uso de álcool e drogas. Salete Maria Vizzolto e Cléa Ana Seganfredo. Petrópolis: Vozes, 1990.
VIZZOLTO, Salete Maria. "Tim tim" o consumo de bebidas alcoólicas: Questão para debate com adolescentes. Salete Maria Vizzolto e Cléa Ana Seganfredo. Petrópolis, RJ: Vozes, 1991.
VIZZOLTO, Salete Maria. Uma onda perigosa: Fumo - Álcool - Drogas. Salete Maria Vizzolto e Cléa Ana Seganfredo. Petrópolis, RJ: Vozes, 1990.
WAGNER, Robin S. Sara T.: Retrato de uma jovem alcoólica. Trad. Maria da Graça Line Gomes. São Paulo: Nova Epoca Editorial, 1984.
WILKINSON, Rupert. The prevention of drinking problems: Alcohol control and cultural influences. by Rupert Wilkinson. New York: Oxford University Press, 1970.
WILLIAMS, Allan F. Social drinking, anxiety, and depression.
YARRITU, F. Soto. Aplicacion del test de Szondi en alcoolicos. In: Rev. de Psicologia Gener. y Aplicada, Madrid, 1961.
ZACCARIA, Joseph S. A Comparison of alcoholics and selected samples of nonalcoholics in terms of a positive concept of mental health. In: The Journal of Soc. Psychol., Massachussets 151-157 1967.
ZERBOGLIO, Adolfo. L’alcoolismo studio sociologico-giuridico. Torino, 1892.
ZILLERUELOU, César E. El alcoholismo en Chile i su relacion com la criminalidad i la locura, su repression. Memoria de prueba para optar al grade de licenciado en la Fac. de Med. i Farmacia de la Universidad de Chile. Santiago de Chile, 1909.
Alcohol and human memory. Edited by Isabel M. Birnbaum, Elizabeth S. Parker. Hillsdale, N.Y.: Lawrence Erlbaum Assocates, 1977.
Alcoholismo y toxicomania. In: Revista de Psicologia General y Aplicada, Madrid.
Alcool, fumo e saúde. Santo André, São Paulo: Casa Publicadora Brasileira, jan./mar., 1980.
Alcoólicos Anônimos. 4º ed., São Paulo, 1978.
Alcoólicos Anônimos - A doença que todos escondem.
Alcoólicos Anônimos: A história de como milhares de homens e mulheres se recuperaram do alcoolismo. São Paulo: Centro de Distribuição de Literatura de A. A. para o Brasil, 1989.
Brasil. Divisão nacional de saúde mental normas e procedimentos na abordagem do alcoolismo. Min. da Saúde, Secretaria Nacional de Programas Especiais de Saúde, Divisão Nacional de Saúde Mental, Brasília, Centro de Doc. do Min. Saúde, 1990.
Brasil. Ministério da saúde. Secretaria de assistência a saúde: Normas e procedimentos na abordagem do alcoolismo. Brasilia, 1994.
Cooperatice comission on the study of alcoholism. Alcohol problems report to the nation. La report to the Nation by Thomas F. A. Plaut. Oxford: University Press, 1967.
El alcoholismo, fuente de delincuencia culposa. In: López Riocerezo, J.M., Delincuencia Juvenil, p 419-464, Madrid, V. Suarez 1956-1960.
Grupos familiares Al-Anon. ou vivendo com um alcoólico. 8º ed., São Paulo: Escritório de Serviços Gerais Al-Anon. do Brasil, 1986.
Liga Brasileira de Higiene Mental. O alcoolismo materno e a mortalidade na infância. Rio de Janeiro: Jornal do Comércio, 1953.
Liga Brasileira de Higiene Mental: A debilidade mental e o alcoolismo. Rio de Janeiro: Jornal do Comércio, 1953.
Liga Brasileira de Higiene Mental: A juventude e o vício do álcool. Rio de Janeiro: Jornal do Comércio, 1953.
Liga Brasileira de Higiene Mental: Malefícios do vinho para os escolares. Rio de Janeiro: Jornal do Comércio, 1953.
Liga Brasileira de Higiene Mental: Malefícios do álcool. Rio de Janeiro: Secretaria Geral de Educação e Cultura da PDF, 1958.
Liga Brasileira de Hygiene Mental, Minas Geraes Semana Anti-alcoólica, conferências. Minas Geraes: Imp Oficial, 1932.
Liga Brasileira de Higiene Mental: As bebidas alcoolicas e a infância mártir. Rio de Janeiro: Jornal do Comércio, 1953.
Liga Paulista de Profilaxia Moral e Sanitária São Paulo. Lucta contra o alcoolismo, a syphilis e as moléstias venereas II vol... São Paulo: Typ. do Diário Official, 1906.
Memorando a um recluso que pode ser alcoólico. São Paulo: Centro de Distribuição de Literatura de Alcoólicos Anônimos para o Brasil, 1991.
Minas Gerais: Serviço de Propaganda e Educação Sanitária: Os males do alcoolismo. Belo Horizonte, 1954.
Na opinião do Bill: O modo de vida de A.A. 2º ed., São Paulo: Centro de Distribuição de Literatura de A.A. para o Brasil, 1989.
Narcóticos Anônimos - Lista de endereços dos grupos na área do Rio de Janeiro..
Normas e procedimentos na abordagem do alcoolismo. Ministério da Saúde, 1990.
O alcoolismo e suas implicações no trabalho. V Semana de Estudos, Maria Augusta de L. Albano, Rio de Janeiro, 26/29 maio 1987 CBCISS, 1988.
O dilema do casamento com um alcoólico. 2º ed., São Paulo: Serviço de Informação Al-Anon, 1984.
Organização Mundial de Saúde. Comité des especialistas em alcool - Alcool et alcoolisme. Rapport genève, 1955.
Os doze passos. São Paulo: Centro de Distr. de Literatura de A.A. para o Brasil, 1990.
Os jovens e A.A. Ed. São Paulo, Centro de distribuição de litetatura de alcoólicos anônimos para o Brasil, 1987.
Programa de reintegração, educação e atendimento ao alcoolista. Marisa A. Rocha da Costa. Universidade Federal de Viçosa (ed.), 1990.
Promotion de la sante sur les lieux de travail: Abus d'alcool et des drogues. Geneve: Rapport d’un comite OMS d’experts, 1993.
Psychopharmacology of alcohol. Ed. by Merton Sandler. New York: Raven Press, c1980.
Respuesta a los problemas de drogas y de alcohol en la comunidad: Manual para los agentes de atencion primaria de salud com orientaciones para los instructores. Genebra: OMS, Salud, 1992.
Seninario sobre alcoholismo y toxicomanias. In: Revista de Psicologia General y Aplicada, Madrid, 402-404, 1969.
Simpósio sobre alcoolismo. São Paulo, 1974 - Temas de alcoolismo/simpósio da clínica psiquiátrica do Hospital do Servidor Público Municipal de São Paulo, Ed. Sergio da Silva Moutinho. São Paulo: Manole, 1976.
Tratamento e prevenção do alcoolismo em 1967: Como pensa a OMS: Cartilha de orientação. Rio de Janeiro: CONFEN, 1967.
Viver sóbrio: Alguns métodos usados por membros de A.A. para não beber. São Paulo: Centro de Distr. de Literatura de A.A. para o Brasil, 1990.
Você pensa que é diferente. São Paulo: Centro de Distribuição de Literatura de Alcoólicos Anônimos para o Brasil, 1984.
Um pequeno guia para alcoólicos anônimos.
Entendendo o anonimato - A.A.
Alcoólicos Anônimos e a classe médica.
A tradição de A.A. como ela se desenvolveu por Bill W.
* Capítulo 3
Os Inalantes
BIBLIOGRAFIA
ABREU, Antonio José Fernandes. Tóxicos: Tormento da juventude, flagelo que esteriliza a mente e mata o corpo... Rio de Janeiro: O Cruzeiro, 1972.
ACSEBRAD, Gilberta. Os discursos preventivos sobre o uso de drogas e as potencialidades dos educadores na prevenção primária: Relato de uma experiência. Rio de Janeiro: Dissert. Mestrado, Instituto de Estudos Avançados em Educação Dep. de Psicologia, 1989.
ALENCAR, Regina Lucia Brandão. Tóxicos e a escola de 1º grau: Percepção e ação dos educadores. Rio de Janeiro: Dissert. Mestrado UFRJ Fac. de Educação, 1988.
ALMEIDA, Cleide Rita Silvério de. Drogadição: Subsídios para uma abordagem pedagógica. Dissertação de Mestrado PUC/SP, Centro de Educação, 1989.
ALMEIDA, João Alves de. Controle da natalidade e disseminação de entorpecentes no Brasil. Brasil, Câmara dos Deputados, 1973.
ALTENFELDER, Mario. Problema do menor as características comuns. In: Brasil Jovem, RJ, 7(26): 11-17, 1973.
ALVAREZ M. P. Estudio sobre 315 casos observados por el grupo de orientacion de toxicomanos y familiares y gabinete de estudos de la brigada especial de estupefacientes de Madrid de la Direccion General de Seguridad. In: Revista de Psicologia General y Aplicada 141-142 1091-1110 jul./out., 1976.
AMAR, Ayush Morad. A verdade sobre as drogas. São Paulo: Ícone, 1988.
AMORIM, Drumond. Droga de cidade grande. São Paulo: Edições Paulinas, 1988.
ANDRADA, Oswald Moraes. OS tóxicos... (Col. Brasil Hoje nº 4). Rio de Janeiro: Bloch - INL, 1971.
ANDRADE, Benevides. Seu encontro com a verdade. Rio de Janeiro: Souza Marques, 1983. (assunto: vida cristã, escritores batistas, juventude, conduta).
ARANTANGY, Lidia Rosenberg. Doces venenos: Conversas e desconversas sobre drogas. 3º ed., São Paulo: Olho d’Agua, 1993.
ARICO, Carlos Roberto. Drogas: Perigos e preconceitos. Carlos Roberto Arico e Sergio Vieira Bettarelho. São Paulo: Ícone, 1988.
ARRUDA, Ana (e outros). A droga: Quem toma, o que toma (Coleção Impacto 2). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1966.
AUSTRIAN, Geoffrey. The truth about drugs. New York: Double day, c1971.
BARROS, Octavio Duval Meyer e. A incidência dos tóxicos entre os estudantes de 2º e 3º graus na cidade do Rio de Janeiro. Ciências Humanas 9(e8); 17-23 agosto, 1986.
BARROSO, Lorena Moroni Girão. Drogadicção orient. Maria Cristina Isallis. Monografia de aluno UFRJ, Inst. Psi. DPTO de Psicologia da Personalidade.
BARROSO, Patrícia Correa. Tóxicos: A perigosa fuga da realidade. RJ, UGF, 1991.
BASTOS, Francisco Inácio. Drogas: É legal? Um debate autorizado. Francisco Inácio Bastos e Odair Dias Gonçalves (orgs.). Rio de Janeiro: IMAGO, Instituto Cultural Brasil Alemanha, 1993.
BECKER, Houard Saul. Los estraños sociologia de la desviación. Buenos Aires: Tiempo Contemporaneo, 1971.
BECKER, Howard S. Uma teoria da ação coletiva. Trad. de Marcia Bandeira de Mello Leite Nunes. Rev. Técnica de Gilberto Velho. Rio de Janeiro: Zahar, 1977.
BENSOUSSAN, Pierre A. Qui sont les drogués?; Paris: R. Laffont, c1974.
BERNSTEIN, Saul. Juventud en las calles trabajos com grupos juveniles descarriados. México, Editorial Lehas, 1966.
BLOCK, Dr. Léon. Toxicomanies. Paris: Vigot Frères, Éditeurs, 1927.
BOTHOREL, Jean. Você, meu filho. Trad. Vera Telles Rudge. São Paulo: Brasiliense, 1986.
BRANDÃO, Josué. Drogas a ilusão que assassina, Cristo a verdade qu liberta. Bahia, 1992.
BRAZ, Julio Emilio. Abre-te Sésamo. São Paulo: FTD, 1993.
BRÁZ, Julio Emilio. A coragem de mudar. São Paulo: FTD, 1993.
BUCHER, Richard. A toxicomania paradigma de dependência humana. Brasília, DF: Humanidades, 3(10): 60-68 ago./out., 1986.
BUCHER, Richard (org.). As drogas e a vida: Uma abordagem biopsicossocial. São Paulo: Centro de Atendimento a Toxicômanos, EPU, 1988.
BUCHER, Richard E. e Costa Priscila F. Modelos de atendimento a toxicômanos. Arq. Bras. de Psicologia. Rio de Janeiro, v.37, n.3, p.70-83, jul./set., 1985.
BUCHER, Richard. O jovem e a transgressão. Brasilia, D.F., Humanidades, 4(14) 16-21, ago./out., 1982.
BUCHER, Richard (org.). Prevenção ao uso indevido de drogas. Ed. UNB, 1989.
BUCHER, Richard e Totugui, Márcia. Conhecimento e uso de drogas entre alunos. Psicologia: teoria e pesquisa, v.3, n.2, p.178-194 maio/ago., 1987.
BUCHER, Richard E. O consumo de drogas: Evoluções e respostas recentes. Psicologia: teoria e pesquisa, Brasília, v.2, n.2, p.132-144, maio/ago., 1986.
BUCHER, Richard et al. O Toxicômano. Dados psicossociais e estrutura psico-dinâmica, Psicologia: Ciencia e Profissão, Brasília, 1(1): 79-106, jan., 1981.
BUENO, Orlando F. A. Dissociação de aprendizagem e discriminação de drogas. In: Ciência e Cultura, São Paulo, 271-283 mar., 1976.
CABRA CASTANEDA, E. Roberto. Causas y efectos de la irresponsabilidad familiar: Un analisis desde el punto de vista de las fuentes reales. Bogota: Tese Doutorado Pontificia Universidade Javeriana, 1975.
CAIN, Arthur H. Jovens e drogas. Trad. de H. A. Corção, São Paulo, Brasiliense, 1970.
CAMERON, Dale C. A juventude e a droga no mundo. Drogas e toxicomania... São Paulo: Nestlé, [s.d] (anais Nestlé, 97).
CAMPOS, Paulo Mendes. Trinca de Copas. Rio de Janeiro: Achiamé, 1984.
CANÇADO FILHO, Agenor Lopes. O problema médico-social das toxicomanias. Higiene mental. Belo Horizonte, 1941.
CANTER, Francis M. Simulation on the California psychological inventory and the adjustment of the simulator. In: Journal of Consulling Psychology, Washington 27(3): 253-256, 1963.
CARITEY, Jacques. La drogue: Que faire? In: La Revue Administrative, jan./fev., n.151 p.15-21, Paris, 1973.
CARRANO, Austregésilo. Canto dos malditos. Curitiba: Scientia et Labor, 1990.
CARMO, Caleb Elias do. Tóxicos: O que toda família precisa saber. Rio de Janeiro: JUERP, 1986.
CASTRO SARIÑANA, Maria Elena. El analisis de classificacion multiple como tecnica preditiva: Su utilidad en investigaciones epidemiologicas sobre el uso de drogas. In: Revista de la Asociación Latinoamericana de Psicologia Social, 203-219, México, jun., 1981.
CHANG, Tse-Min. Les actions criminelles des communistes chinois pour intoxiquer le monde (suite). La ligue anticommuniste des peuples d’Asie, Repulbique de Chine, 1979.
CHARBONNEAU, Paul Eugene. Drogas: Prevenção, escola. São Paulo: Edições Paulinas, 1988.
CHARBONNEAU, Paul Eugene et al. Pais, filhos e tóxicos. São Paulo: Almed, Escola de Pais do Brasil, 1983.
CHICO JUNIOR. Drogas (Coleção Certos Costumes v.1). Rio de Janeiro: CODECRI, 1983.
CIOTTI, Luigi. Pais, filhos, droga. Luigi Ciotti e Gabriella Vaccaro. Trad. Yolanda Steidel Toledo. 2º ed., São Paulo: Edições Paulinas, 1988.
CLENDENON, Kelly e Martin, Jo. O drama da família (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Editora Nova Cultural, 1988.
CLIMENT, Carlos E. Como proteger seu filho das drogas... Maria Eugenia C. de Guerreiro, Carlos Climent. São Paulo: Maltese, 1992.
COHEN, John. Psicologia de los motivos personales. Asesor en psicologia para la edicion original, Lloyd G. Humphireys. Mexico: Editorial Tullas, 1973.
COLBERT, J. C. Controlled action drug forms. Park Ridge, N. Y., Noyes Data Corp., 1974.
COLE, S. O. The depression of operant behavior and retarding action on discrimination learaing. By S. O. Cole, K. L. Beauchamp, ed Current topics in Experimental Psychology, p.86-88, New York, Holt Rinschart and Winston, 1970.
COOLEY, Donald Gray. The science book of wonder drugs. New York: Pooket Books, 1954.
CORREIA, Luis Antonio. Solução para farmacodependentes: Uma experiência terapêutica, prevenção, amorexigente. Fazenda do Senhor Jesus, Núcleo de apoio pós tratamento, Haroldo J. Rahm. São Paulo: Edições Paulinas, 1987.
COSTA, Ruy Godoy. Vida em tormento. São Paulo: Brasiliense.
COUTINHO, Galeão. O pacto com o demônio. São Paulo: Secção de Propaganda e Educação Sanitária de Departamento de Saúde, 1952.
COUTINHO, Gerson Sa Pinto. CEME: Uma realidade social. João Pessoa: Ed. Universitária, UFPB, 1978.
COUTINHO, Jair Cabral. Vida e tóxico. São Paulo: Ed. do Escritor, Coleção Depoimento, 1976.
CUNHA, Ovidio da. A ruptura social e a toxicomania. Revista de Ciencias Políticas, Rio de Janeiro 32(3) 114-20 mai./jul., 1989.
DELMANTO, Celso. Tóxicos. São Paulo: Saraiva, 1982.
DE ROPP, Robert Sylvester. As drogas e a mente. Trad. de José Geraldo Vieira. 2º ed., São Paulo: IBRASA, 1976.
DIAS, Helio Pereira. Direito de saúde. 2º ed., Rev. Atual Ampl., Brasilia, 1984.
DIAS, Helio Pereira. Tóxicos, um problema de saúde pública. Fortaleza, Impr. Universitária da UFCE, 1980. Trabalho apresentado no II Congresso Hispano-Americano de Psiquiatria e III Congresso Brasileiro de Alcoolismo e Drogas, realizado em Fortaleza, Ceará de 4 a 8 de agosto de 1980.
DIAS, Luis. Tóxicos, o mundo do vício. Luiz Dias e Jorge C. Magalhães. Rio de Janeiro.
DUARTE, Carlos Edson. Toxicomanias. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 397-404 nov./dez., 1980.
DUPONT, Robert L. Drogas: Uma luta sem tréguas. Rio de Janeiro, Record, 1988.
DURAND-DASSIER, Jacques. Psicoterapia sin psicoterapeuta. Madrid: Marova, 1971.
ECKENHOFF, James E. Clínica médica da América do Norte dor e seu tratamento clínico. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1968.
EDELSON, Edward. Efeitos no cérebro (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
EISER, Christine. Drug education in schools: An evaluation of the "double take" vídeo package. E J. Richard Eiser. New York: Springer Verlag, c1988.
EMEDIATO, Luiz Fernando. Geração abandonada. São Paulo: Global, 1982.
FAGUNDES, Glênio. Cevando mate: No rumo de uma cultura própria. 6º ed., Edições Querência, 1983.
F. ALUÍZIO. Coletânea. Rio de Janeiro: Graf. e Ed. Dior, 1986. (2 vols.).
FARABULINI JUNIOR. Saúde, uma questão de segurança nacional. Discurso pronunciado na sessão de 28 de maio de 1985 pelo deputado, Câmara dos Deputados, 1985.
FARBER, Seymour M. Controle da mente. Rio de Janeiro: Zahar, 1963.
FEITOSA, Reuel P. Além das drogas. 4º ed., Belo Horizonte: Edições Peniel, 1980.
FERREIRA, Renildo. Luzes da noite. 3º ed., Porto Alegre, 1983.
FILHO, P. Pernambuco. Estudos médico-sociaes da toxicomania. Rio de Janeiro, 1931.
FONSECA, Alexandre Guerreiro da. Tóxicos: O que são, o que causam, como evitá-los. Aparecida, SP: Santuário, 1985.
GALVÃO, Haroldo. O problema é... Droga. Caxias do Sul: Edições Paulinas, Coleção Problemas da Juventude, 1973.
GARCIA, José Alves. Poluição das drogas. Rio de Janeiro: Ed. Rio, 1972.
GARRIDO MARTIN, Eugenio. Actor - Observador una hipotesis no confirmada en la teoria de la atribuicion. In: Revista de Psicologia General y Aplicada, Madrid 36(4) 697-718, 1981.
GHELERTER, Dr. Jules. Les toxicomanies: Étude médico-sociale. Paris, 1929.
GHOSH, Mantu K. HPLC methods on drug analysis. Berlin: Springer, c1992.
GINSBERG, Aniela. Tetativa de validação externa de métodos para o estudo de personalidade. Revista de Psicologia Normal e Patologica, São Paulo, 3-93 jan./jun., 1969.
GLOWA, John R. Inalantes (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Editora Nova Cultural, 1989.
GONÇALVES, Graça. A droga é assim. Petrópolis, RJ: Vozes, 1994.
GRAÇA, Jayme Ribeiro da. Tóxicos. Rio de Janeiro: Renes, 1971.
GUTIERREZ, M. Transtornos de la orientacion en pacientes psiquiatricos cronicos. In: Revista de Psicologia General Y Aplicada, Madrid 35(164): 505-505, 1980.
GUZ, Isac. Aspectos clínicos da dependência às drogas. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 361-364 nov./dez., 1980.
HANNEMAN, Gerhard J. Communicaling drugabuse information among college students. In: Public Opinion Quarterly, v.37, Summer, n.2 p 171-91, New York, 1973.
HENTOFF, Nat. A doctor among the addicts. New York: Rand. Mc. Nally, 1968.
HERBERT DANIEL ET AL. Saúde loucura (Série Saúde em Debate). São Paulo, 1991.
HIRSON, Phil. Viciados. Trad. de Jorge Brandão. Rio de Janeiro: Laudes, 1969.
INEM, Clara Lucia. Drogas: Uma visão contemporânea. Clara Lucia e Gilberta Acselrad (org.). Rio de Janeiro: Imago, 1993.
JANOV, Arthur. O grito primal: Terapia primal: A cura das neuroses. Rio de Janeiro: Artenova, c1974.
JORGE, Alfredo Daura. Doenças evitáveis. Florianópolis: Associacão Catarinense de Medicina, 1988.
KRAMER, J. F. Manual sobre dependencia de las drogas. Ginebra: Organizacion Mundial de la Salud, 1975.
KRONEMBERG, Deise Marcia Noel. Causas e prevenção da toxicomania na adolescência. Rio de Janeiro: Monografia submetida como requisito para obtenção do grau de especialização em Psicologia Juridica, UERJ, Inst. de Psicologia, 1991.
LARINI, Lourival. Toxicologia. 2º ed., São Paulo: Manole, 1993.
LAURIER, Peter. Las drogas, aspectos médicos psicologicos, sociales. Trad. Cristina Alvarez de Lorenzan. 2º ed., Madrid: Alianza Editorial, 1969.
LIMA, Leonardo Pereira. Saúde física e psíquica. 3º ed., São Paulo: Henor, 1971.
LIMA, Marly Pereira. A educação e o problema dos tóxicos. UGF, 1982.
LINDESMITH, Alfred R. Anomie y toxicomania. In: Clinard, M., p.153-190, Buenos Aires, Paidós, 1967.
LOGRE, Benjamin Joseph. Les toxicomanies. Paris: Lib Stock, 1924.
LOMBARDI, Donald N. Differential responses of addicts and nonaddicts on the M.M. P. I. In: Journal of Projectives Techniqies e Personalit y Assessment California, 32(5): 479-482, 1968.
LONGO, V. G. Neuropharmacology and behaviour with a foreword. San Francisco: W.H. Freeman, c1972.
LOURIA, Donald B. Vitória sobre as drogas: Um programa de ação. Trad. de Luiz Carlos do Nascimento Silva. Rio de Janeiro: Agir, 1972.
MAUCORPS, Alain. Les drogués et la mer l'expérience de "bel espoir" in pédagogie. Paris, 30º annee avr. n.4, p.52-64, 1975.
MEREJE, Rodrigues de. Toxicomanias. In: Justitia, ano 38, v, 93, 2º bim., p. 191-220, São Paulo, 1976.
MIRA Y LÓPES. Psicoses exotóxicas. In: Mira y Lópes, p178-187, Ed. Psiquiatria Basica, Buenos Aires, Ed. Ateneo, 1948.
MORAES, Talvane Martins. Tóxicos e juventude: Aspectos atuais do problema das farmacodependências.
MORGAN, Thomas. Só é viciado quem quer. Rio de Janeiro: Tecnoprint, 1989.
MÜLLER, Luis, sac. O problema dos tóxicos, aulas informativas e formativas acompanhadas pela projeção de 116 slides ilustrativos. São Carlos: Colégio Diocesano, 1973.
NOWLIS, Helen. A verdade sobre as drogas. Trad. por Adrienne Macedo. Rio de Janeiro: IBECC/UERJ, 1975.
NOWLIS, Helen Howard. Drugs on the college campus. New York: Anchor Bods Doubleday (1969).
NOWLIS, Helen Howard. La drogue demythifiee: Drogue et educacion. Paris: UNESCO, 1980.
PANITZ, Mauri Adriano. In vino veritas? Porto Alegre: Sagra, 1991.
PASCUAL, Jesus Garcia. O adolescente carioca e os tóxicos. Rio de Janeiro: Monografia para o bacharelado em psicologia, Universidade Santa Úrsula, 1980.
PENTEADO, Nestor Sampaio. Tóxico: Passaporte para o inferno: Um alerta para jovens, pais e mestres. São Paulo: Brasileira Cultural, 1982.
PERNAMBUCO FILHO, Pedro. Venenos sociais. Rio de Janeiro: Graf. Barbero, 1942.
PESSOA, Barroso. Cartilha do príncipe. 1994. (obs.: literatura infanto-juvenil).
PORTELA, Fernando. Drogados da vida. São Paulo: Traço, 1983.
QUEIROZ, Dilson de. Tóxico é morte. Rio de Janeiro: Borrelli, 1979.
QUINTAS, Geraldo (org.). Valores humanos, corpo e prevenção: A procura de novos paradigmas para a educação física. Brasília: Min. da Educação, 1989.
ROCHA, Luiz Carlos. As drogas (Série Princípios 96). São Paulo: Ática, 1987.
ROCHA, Luiz Carlos. Tóxicos. São Paulo: Saraiva, 1985.
RODGERS, Rolf E. Drug abuse and organizational response: A review and evaluation. In: Personnel Journal, v.54, may, n.5, p.266-71, 281, Santa Monica, Ca., 1975.
ROSENBERG, Herbert de. La toxicomanie. In: Revue Française de Psychanalyse; Paris XXV (4-5-6) 885-897, 1961.
SAJON, Rafael. Drogas en la infancia y juventude estrategia y praxis ordem interno e internacional. Rafael Sajon, Ulaldini Calvento Solari. Montevideo: Instituto Interamericano del Niño, 1980.
SANCHEZ, Mário. Tratado geral dos tóxicos. Mário Sanchez e Martina Sanchez. Goiânia - GO: Imery, 1984.
SANTOS, Maria Angela dos. Biologia educacional. 3º ed., São Paulo: Àtica, 1986.
SILVA, Edevaldo Alves da. Tóxicos. São Paulo: J. Bushatsky, 1979.
SILVA, João Batista Freire da. O sensível e o inteligível: Novos olhares sobre o corpo. Tese doutorado USP Inst. Psicologia, 1990.
SIMÕES, João. Potencial humano. São Paulo: A Gazeta Maçonica, 1977.
SIMPSON, Lance L. (ed.). Drug treatment of mental disordes. New York: Raven Press, c1976.
SOLLERO, Lauro. Farmacodependência. Rio de Janeiro: Agir, 1979.
SPOERRI, Th. Compêndio de psiquiatria. 2º ed., Rio de Janeiro: Atheneu, 1974.
TIBA, Icami. Puberdade e adolescência: Desenvolvimento. São Paulo: Agora, 1986.
TORLONI, Hilário. Estudo de problemas brasileiros de acordo com as normas e diretrizes oficiais. 3º ed., São Paulo: Pioneira, Brasileira, INL 1973.
TREIGER, J. As drogas são más? 3º ed., 1981.
VAILLE, Charles. Les stupéfiants, fleú social. Paris, 1955.
VELOSO, Jose Francisco. Drogas e demônios. Rio de Janeiro: JUERP, 1994.
VELOSO, José Francisco. Um tapa nas drogas. Rio de Janeiro: JUERP, 1988.
VIANA, Ronaldo Guilherme Vitelli. Ser ou não ser: Educação preventiva do uso de drogas. São Paulo: Loyola, 1993.
VIEIRA, João. Tóxicos. Rio de Janeiro: Forense, 1988.
VIZZOLTO, Salete Maria. A droga, a escola e a prevenção. Petrópolis, RJ: Vozes, 1987.
WARBURTON, David Maddrell. Brain, behaviour and drugs: Introduction to the neurochomistry of behaviour. Chichester, 1975, reimp 1978.
WATTS, Alan Wilson. Joyeuse cosmologie, aventure dans la chimie de la conscience. Introd. et trad. de Jacques Brosse. New York: Fayard, 1971.
WEIL, Pierre Gilles. A criança, o lar e a escola. 10º ed., Petrópolis, RJ: Vozes, 1983.
WHITE, Ellen Gould (Harmon). Temperança. Trad. de Isolina A. Waldvogel. Santo André, SP: Casa Publicadora Brasileira, 1969.
WIEDEMAN, George H. Personality development and deviation: A textbook for social work. George H. Wideman and Sumner Matison. New York: International Universities, 1975.
WISE, Francis H. Youth and curre. New York: Association Press, (c1971).
WOLFF, W. Factores químicos de la anormalidad. In: Introduccion a la psico patologia, 81-97, Buenos Aires, F. de Cultura Economica, 1956.
WRICH, James T. Guidelines for developing na employce assistence program. New York: AMA, Membership Publications Division, 1982.
YOUNG, Patrick. Disturbios mentais (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
YOUNG, Patrick. Riscos para a mulher (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
Abuso de drogas. Washington: Organizacion Panamericana de la Salud, OMS, 1990.
Abuso de drogas entre meninos e meninas de rua do Brasil. São Paulo: Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas - Departamento de Psicobiologia da Escola Paulista de Medicina - UNFDAC, Editora Ave Maria LTDA, 1990.
American medical association. Concil on drugs. New drugs. Evaluated by the A.M.A. Conccil on drugs. Chicago: American Medical Association (1966).
As americas em 1989. Um consenso para ação: Um relatório do diálogo interamericano. Queenstown: ASPEN Inst. c1989.
As drogas e a juventude. In: Enciclopedia Barsa, Livro do ano, p.302-4, Rio de Janeiro/São Paulo, 1972.
Brasil, Serviço de Repressão a Tóxicos e Entorpecentes. Noções gerais sobre tóxicos e entorpecentes e normas de serviço. Brasília: Dep. de Imp. Nacional, 1966.
Conference on drug addiction among adolescents 1952. New Academy of Medicine, nov. 1951 à mai 1952.
Dialogo interamericano (org.). As Américas em 1988. Tempo de opções um relatório. Washington D.C.: Instituto Aspen de Estudos Humanisticos, 1988.
Drogas. In: Hospitals Chigago, I11, v.42, dec 1, n.23 numero dedicado ao assunto, 1968.
Drogas e você. São Paulo: Edições Loyola, 1983.
Drogas, tô fora gosto mais de mim. Conselho Federal de Entorpecentes.
Drugs. Editor Graeme S. Avery, 1981.
Educar para prevenir el abuso de las drogas: Proyeto para prevenir el abuso de las drogas. Proyeto de investigacion. Accion viver juntos el desafio de la droga. Rio de Janeiro: Ed. Universitária, USU, Roma Italia, Federacion Internacional de las Universidades Catolicas, 1991.
Encontro de centros brasileiros de tratamento de dependência de drogas. São Paulo: Anais, 1988.
Encontro de centros brasileiros de tratamento de dependência de drogas. Coord. do Centro de Pesquisa em Psicologia Clinica, Dep. de Psicobiologia, Escola Paulista de Medicina, São Paulo, CLR, Balieiro, 1989.
Guidelines for psychologists for the use of drugs in research. In: American Psychologist, Washington 335-336, 1972.
New and nonofficial drugs. Philadelphia: J. B. Lippincott, 1963.
New drugs. Chicago: American Medical Association, 1966.
Pergunte a Alice. Trad. Cristina Barczinsky. Rio de Janeiro: Record, 1987.
Psicobiologia: As bases biológicas do comportamento. Textos do scientific American. São Paulo, Poligono, 1973.
Toxicomania: O 1º banco de dados informatizado. CENDOTEC Centro Franco Brasileiro de Doc. Tecnica e Cientifica.
União Brasileira Pró-Temperança. Rio de Janeiro, 1934.
* Capítulo 4
A Maconha (Cannabis Sativa L.) e o Haxixe
BIBLIOGRAFIA
ADIALA, Julio Cesar. O Problema da maconha no Brasil: Ensaio sobre racismo e drogas. Rio de Janeiro: Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, 1986.
AUSUBEL, David Paul. Drug addiction: Physiological, psychological and sociological aspects. New York: Randon House, c1958.
BABOSA, Petrucio Publio de Pereira. Efeitos do símbolo da letra delta 9 Trans-Tetrahidrocanabiol em artéria isolada do coelho. São Paulo: Escola Paulista de Medicina, Tese de Mestrado, 1978.
BAGLEY, Bruce M. Drug trafficking in the americas. Edited by Bruce M. Bagley and William O Walker III - Coral Gables: University of Miami, North-South Center: New Brunswick: transaction publishers, c1994.
BAIÃO, Rosaura. Psicodrama: Emoções em xeque. 1984.
BAILLY, J.-C. Mandala: A experiência alucinógena. J.-C. Bailly e J-P Guimard (organizadores). Trad. Lígia Junqueira Filho. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1972.
BARRUEL DE LAGENEST, H. D. Mulheres em leilão, um estudo da prostituição no Brasil. Petrópolis, RJ: Vozes, 1973.
BEDRAN, José Narciso. O uso de drogas na gravidez e na lactação. Rio de Janeiro: Guanabara, 1988.
BENTO, Victor Eduardo Silva. Os componentes psicopatológicos das toxicomanias. Rio de Janeiro: FGV, ISOP, Dissertação de Mestrado.
BENTO, Victor Eduardo Silva. Os componentes psicopatológicos das toxicomanias. Curitiba, 1986.
BENTO, Victor Eduardo Silva. A psicopatologia da drogadicção, uma abordagem psicanalítica. Arq. Bras. de Psicologia, RJ, 39(1) 41-50 jan./mar., 1987.
BENTO, Victor Eduardo Silva. O paradoxo da vivência de morte do toxicômano. Arq. Bras. de Psicologia, RJ, 38(1) 47-57 jan./mar., 1986.
BERGER, Edgard M. Escravos do século XX. Edgard M. Berger e Oldemar Beskow. Santo André, SP: Casa Publicadora Brasileira, 1964.
BERGERET, Jean Toxicomania e personalidade. Trad. Roberto Cortes de Lacerda. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1983
BLAIR, Donald. Modern drug for the treatment of mental illness. London: Staples, 1963.
BLUM, Howard John Cotti. O último mafioso: Como o FBI derrotou a mais violenta família de Nova York. Trad. de Raul de Sá Barbosa. Rio de Janeiro: Record, 1995.
BONTEMPO, Márcio. Estudos atuais sobre os efeitos da Cannabis Sativa (maconha). 2º ed., São Paulo: Global. Rio de Janeiro, Ground Informação, 1980.
BORTOLETTO, Maria Elide. Tóxicos civilização e saúde contribuição a análise dos sistemas de informação tóxico farmacológicas no Brasil. Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz, 1993.
BOTELHO, Valterson Alves. Maconha e narcóticos: Princípio e fim. Valterson Alves Botelho e Malzir Alvim Di Giorgio Sobrinho. Rio de Janeiro: J. Di Giorgio Ed., 1985.
BOTELHO, Valterson Alves. Por que drogas? 1001 Perguntas e respostas. Rio de Janeiro: J. Di Giorgio e Cia., 1984.
BRITO, Azenilto G. O Desafio das drogas: Como vencê-lo. Tatuí, SP: Casa Publicadora Brasileira, 1988.
CAICEDO, Fernando Santacruz. Hacia una concetpcion lationo-americana sobre el tráfico ilícito de droga. Seleccion de textos. Bogota D.E. Editorial Elocuencia, 1987.
CARDOSO, Eleyson Convenio interestadual da maconha, relatório apresentado ao governo do estado de Pernambuco. Recife: Imp. Oficial, 1946.
CARLINI, E. A. Fungos alucinogênicos e cannabis sativa. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 365-372, nov., 1980.
CARVALHO, Mario Alves de. Entorpecentes e o fun. Público. In: Administração Paulista, v.18, jul./dez., p. 73-81, São Paulo, 1969.
CHRISTIAN, Dominique. Marchandise drogue. Paris: Union Generale d’Editions, 1975.
CLARK, Evert. O traficante. Evert Clark e Nicholas Horrock. Trad. de Alfredo Barcelos Pinheiro de Lemos. Rio de Janeiro: Record.
COHEN, Mirian. Maconha (série Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
COHEN, William E. Drogas - Estomulantes, depressores, alucinógenos - Efeitos físicos e mentais das drogas psicoativas. Darryl S. Inaba e William E. Cohen. Trad. Hélio Pólvora. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1991.
COSTA, Isolda Reis Alves da. Os melhores amigos: O uso de drogas e a visão de mercado de jovens de camadas médias urbanas. Dissertação de mestrado PUC-RJ, 1993.
DAMASCENO, Filadelfo Reis. Maconha, o perigo minimizado. In: A Defesa Nacional, v.63, maio/jun. n.667 – p.61-71, Rio de Janeiro, 1976.
FRIEDLAND, Bruce. Emoção e consciência (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
GELLER, Allen. As drogas matam, bicho: Um estudo completo da história, distribuição, usos e abusos da maconha, LSD e anfetaminas. Allen Geller e Maxwell Boas. Trad. de Luiz Paulo Parreira Horta. Rio de Janeiro: Ed. MM, 1971.
GOSSOP, M. Prevencion y control del abuso de drogas. M. Gossop e M. Grant. Genebra: OMS, 1990.
GRAEFF, Frederico G. Drogas psicotrópicas e seu modo de ação. São Paulo: EDUSP, 1984.
HALES, Dianne. Depoimentos de viciados (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
HAMMERSCHLAG, Carl A. A dança dos curandeiros: A iniciação de um médico nas artes de cura dos índios norte-americanos. Trad. Dalton Medeiros de Alencar. Rio de Janeiro: Record, 1994.
HENMAN, Anthony. Diamba Sarabamba: Coletânea de textos brasileiros sobre a maconha. Organização Anthony Henman, Oswaldo Pessoa Jr, São Paulo, Ground, 1986.
HOOBLER, Thomas e Dorothy. Crime e violência (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
JORDAN, Emilio (org.). Entorpecentes, tóxicos: Drogas psicotrópicas. São Paulo: Instituto Social Morumbi, Salesiana Dom Bosco, 1986.
JUANA, Maria. Nós e a maconha. 1985.
JULIE, Ca. Confissões de uma drogada de 15 anos. Trad. Irene Monique Harlek Cubrik. São Paulo: Círculo do Livro, 1990.
JURBERG, Mause Bezerra. Análise exp. Da ação de drogas sobre o comp.: Um estudo crítico dos efeitos comportamentais da atropina. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado PUC-RJ, 1975.
KRYSTAL, Henry. Drug dependence: Aspectos of ego function. Detroit: Wayne State University, 1970.
KOSINITZ, Marc. Famosos e drogados (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
LACERDA, Marcio. Drogas, um caso de política. Brasília: Senado Federal, 1990.
LAMBERG, Lynne. Insônia (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
LEON, Renato. Las toxicomanias en el Ecuador. In: Archivos de Criminologia Neuro Psiquiatria y Disciplinas Conexas, Quito, 11-96, 1973.
LEUENBERGER, Hans. O. La magie de la drogue. Trad. e adapt. de Gisèle Maillefer. Paris: Payot, 1976.
LIMA, Janirza Cavalcante da Rocha. Passageiros daa fantasia. Recife: Originalmente tese de mestrado UFP, Fundação Joaquim Nabuco, Massangana, 1990.
LINHARES, José de Cunha. Drug abuse: General aspects. Brasília, 1993.
LINHARES, José de Cunha. Entorpecentes e drogas afins. Brasília: CEGRAF, 1993.
LIZARAZO, Arturo. La indication del psicanalisis y sus limitaciones. In: Revista de Psicologia, Colômbia 3-23, 1965.
LOPEZ REY Y ARROJO, Manuel. La toxicomanie considérée com probleme socio-politique. In: Revue d’Institut de Sociologie, n.1/2, p. 9-27, Bruxelles, 1975.
LOUREIRO, Stela Maria Garcia. Aspectos psicodinâmicos do uso da droga pela juventude. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria 427-434 jul./set., 1975.
LOWENKRON, Theodor Salomão. Epidemiologia do abuso de drogas no mundo. Rio de Janeiro: Tese de Mestrado UFRJ, 1977.
LUCCHINE, Ricardo. A procura de uma abordagem interdisciplinar da toxicomania. Ricardo Lucchine e Richard Bucher. Rio de Janeiro: Arquivos Brasileiros de Psicologia, 41(1) 111-127 dez. 1988 fev. 1989.
LUCENA, José. Maconhismo e alucinações. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, 218-228, Rio de Janeiro, Instituto de Psiquiatria da Universidade do Brasil, 1950.
MARINHO, Antonio. Família recupera dependente químico. O Globo, Rio de Janeiro, 17 de setembro de 1995.
MASUR, Jandira. Drogas, subsídios para uma discussão. Jandira Masur, Elisaldo Carlini. 4º ed., São Paulo: Brasiliense, 1993.
MASUR, Jandira. O que é toxicomania (Coleção Primeiros Passos, 149). São Paulo: Brasiliense, 1985.
MATOS, Léo. Meditação como alternativa para o uso de drogas: Drogas ou meditação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1989.
MCLELLAN, Tom. Ansiedade e stress. (Coleção Tudo Sobre Drogas). Tom McLellan, Alicia Bragg, John Cacciola. São Paulo: Nova Cultural, 1988.
MEDEIROS, Ethel Bauzer de. Prevenção ao uso indevido de drogas. Brasília: COFEN, 1984.
MEDEIROS, Ethel Bauzer. Atitudes positivas na prevenção ao uso de drogas. Brasília: Conselho Federal de Ent., 1984.
MEDEIROS, Ethel Bauzer. 1- Porque tanta gente faz uso indevido de droga? 2- Pode-se prevenir o uso indevido de drogas? 3- Como conduzir a educação preventiva? 4- O que e como informar? O uso dos meios de comunicação social 5- E a chave do problema: As drogas ou as pessoas? 6- O que não fazer? Medidas que atrapalham. Rio de Janeiro: Ministério da Justiça, Conselho Federal de Entorpecentes, Ministério do Exército, Xerox do Brasil, 1986.
MEDEIROS, Ethel Bauzer. A família: Força poderosa contra o uso indevido de droga.
MEDEIROS, Ethel Bauzer. Prevenir o uso de drogas sem omissões nem excessos. Brasília: COFEN, Min. Exérc., 1984.
MEDEIROS, Ethel Bauzer. Prevenção ao uso de drogas: O que e como informar. Brasília: COFEN, 1994.
MENDES, Rui H. Dolacio. Eu, médico dos drogados: Os caminhos de volta das dependências químicas. São Paulo: Edições Loyola, c1986.
MENDES, Rui H. Dolacio. O drogado e a família. São Paulo: Edições Paulinas, 1989.
MILLER, Mark S. Emoções perigosas (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
MILLS, James. Império subterrâneo onde o crime e os governos se encontram. São Paulo: Best Seller, 1989.
MOSCHINI, Felipe Nery. Maconha e maconheiros. In: Problemas Brasileiros, v.8, jan. n.89, p.3-20, 1971.
MOWRER, Ernest Russell. Disorganization personal and social. Chicago: J.B. Lippincott, 1942.
NAHAS, Gabriel G. A maconha ou a vida. Trad. Neuton Vasconcelos. Rio de Janeiro: Editorial Nordica, 1986.
NAHAS, Gabriel G. Marihuana:Deceptive weed. Rev. ed. New York, Raven, 1975.
NESI, Waldir. Estomatite canabica.. p. 35-43.
NIEBYL, Jennifer R. O Uso de drogas na gravidez. Trad. Helcio Balria Corradini. São Paulo: Liv. Roca, 1983.
NOGUEIRA, Edward. Livre-se de suas muletas mentais. São Paulo: Scortecci, 1993.
NORWOOD, Robin. Mulheres que amam demais: Como vencer sua dependência do homem errado e mudar para melhor. Trad. Cristiane Perez Ribeiro. São Paulo: Best Seller, 1988.
O’DONNELL, John A. Narcotic addiction. New York: London: Harper e Row, 1966.
OLIVEIRA, Alvaro Remigio de (org.). Droga, violência e crime organizado: "TG-2A". Maceió: ADESG, Delegacia de Alagoas, 1987.
OLIVEIRA, Eduardo José de (org.). Droga, violência e crime organizado. Maceió: ADESG, Delegacia de Alagoas, 1987.
OLMO, Rosa del. A face oculta da droga. Rio de Janeiro: REVAN, 1990.
ORTA, Garcia de. Colóquios dos simples e drogas e cousas medicinais da India. Garcia d’Orta. Lisboa: Academia das Ciencias de Lisboa, 1963.
PALMA, Regina H. Blandy Figueiredo. Drogas, prevenção e tratamento. Regina H. Blandy Figueiredo Palma e Marta Ana Jezierski. São Paulo: ICOMP, 1988.
PASSETTI, Edson. Das "fumeries" ao narcotrafico. São Paulo: EDUC, 1991.
PENNA, Marion Merlone dos Santos. O problema dos psicotrópicos e o papel do psicólogo. In: Revista de Psicologia, RJ, 19-21, 1972.
PEREIRA, Murilo de Macedo. A pesquisa sobre o problema do abuso de drogas. São Paulo: "Separata dos Arquivos da Policia Civil de São Paulo, vol. XXVIII 2º semestre 1976" 125-189p., Secretaria da Segurança Pública, 1976.
PEREIRA, Murilo de Macedo. Alguns ângulos do tráfico internacional de drogas... Por Murillo de Macedo Pereira e Vera Künhn de Macedo Pereira. São Paulo: Secretaria de Segurança Pública, 1975.
PEREIRA, Murilo de Macedo. O problema do abuso de drogas, prevenção através... Por Murilo de Macedo Pereira e Vera Kühn de Macedo Pereira. São Paulo: Secretaria de Segurança Pública, 1975.
PERKINS, William Mack. Criando filhos saudáveis num mundo cheio de drogas - Como ganhar a guerra contra o vício. William Mack Perkins e Nancy MacMurtrie-Perkins. Trad. Vera Whately. São Paulo: Best Seller, (c)1986.
PERLONGHER, Nestor Osvaldo. Droga e êxtase. Campinas: Universidade de Campinas, 1991.
PERNAMBUCO FILHO, Pedro. A maconha sob o ponto de vista psiquiátrico. In: Arq. do Manicômio do Judiciário Heitor Carrilho, p.59-66, Rio de Janeiro, 1961.
PIMONT, Rosa Pavoni. O universitário brasileiro frente ao problema dos tóxicos. Rosa Pavoni Pimont e Ignez Lobo Barrera. In: Ciência e Cultura, v.34, out., n.10, p. 1279-85, São Paulo, 1982.
PONTES, Cleto Brasileiro. A droga hoje. Fortaleza: Fundação Democrito Rocha, 1990.
POROT, Antoine. Las toxicomanias. Trad. de Francese Domingo. Barcelona: Oikos Tau, 1971.
POWIS, Robert E. Os lavadores de dinheiro. Trad. Barbara Theoto Lambert. São Paulo: Makron Books, 1993.
QUEIROZ, Maria José de. A literatura alucinada do êxtase das drogas a vertigem da loucura: Ensaio. Rio de Janeiro: Atheneu Cultural, 1990.
QUINTELA, Gloria. Recuperação de um toxicômano estudo de caso. Arq. Bras. Psicologia, RJ, 32(3) 182-186 jul./set., 1980.
RAHDE, Alberto Furtado. Tópicos em toxicologia drogas de abuso. Alberto Furtado Rahde, Rosane Maria Salvi et al. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1993.
RAHDE, Alberto Furtado. Toxicologia dos medicamentos... Alberto Furtado Rahde, Rosane Maria Salvi et al. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1993.
RAMOS, Aimé Luiz. O problema das droagas: Aspectos gerais, temores e esperanças. In: Revista de Psiquiatria, Rio de Janeiro, 16 (24): 35-56, 1974.
RICHARDS, William A. DPT as na adjunct in brief psychotherapy with cancer patients. In: Omega Journal of Death and Dying, N.Y. 9-26, 1979.
RICHARDSON, P. Mick. Flores alucinógenas (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo, Nova Cultural, 1988.
RIVERA, C. Jorge. Encuesta nacional de droguistas en Colombia: Analisis del papel del boticario en la prestacion de serviços de salud. Bogotá: ASCOFAMG, Div. de Medicina Social.
ROA, Armando. La marihuana: Aspectos clínico y antropológico. Santiago: Editorial Universitaria, 1971.
ROAZZI, Antonio. Considerações sobre o significado ideológico das toxicomanias Arq. Bras. de Psicologia, RJ, 39(4): 48-64 out./dez., 1987.
RODGERS, Joann Ellison. Comportamento sexual (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
RODGERS, Joann Ellison. Combate à dor (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
ROIZ, José. Pais e drogas. Belo Horizonte: CEJOTA, 1985.
ROLLEMBERG, Francisco. Drogas: Tratamento, recuperação e descriminalização do usuário. Brasília: CEGRAF, 1989. Discurso proferido na sessão de 4 de agosto de 1989, no Senado Federal e publicado no DCN no dia subsequente.
RONCA, Paulo Afonso Caruso. Con-Vivendo-Com-A-Maconha. Campinas, SP: Tese doutorado UNC Fac. de Educação, 1985.
ROSA, Marco Antonio. Drogas, o vício começa em casa. São Paulo: M. Marcovitch, 1992.
ROSSET, Clement. O real e seu duplo: Ensaio sobre a ilusão. Trad. José Thomaz Brum. Porto Alegre, L e PM, 1988.
ROTMAN, Flavio. Salvar o filho drogado: Maconha, heroína, álcool, cocaína. 2º ed., Rio de Janeiro: Record, 1985.
RUBIN, Vera. Ganja in Jamaica: The effects of marijuana use. Vera Rubin and Lambros Comitas - Garden City, Estados Unidos, 1976.
SABINA, Maria (org.). Maconha em debate. São Paulo: Brasiliense, 1987.
SAMZ, Jane Dietas (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
SANT’ANNA, Nilson A. O problema social da maconha. Rio de Janeiro: Rev. de Psiquiatria, Tese UEG, Faculdade de Direito (Livre Docência em Medicina Legal), 1966.
SANTOS, Mary Regina dos. Drogas: Há uma esperança. Mossoro RN: Fundação Guimarães Duque, 1986.
SANTOS, Osmar. Um grito de alerta. 3º ed., Rio de Janeiro: Ed. Eu e você, 1981.
SARAYDARIAN, Torkon. A carruagem flamejante e as drogas. São Paulo: Aquariana, 1990. (assunto: ciências ocultas corpo e mente, drogas, abuso).
SCHMIDT, Ivan. A ilusão das drogas. Santo André: Casa Publicadora Brasil, 1976.
SCHUR, Edwin M. Narcotic addiction in britain and america the impact of public policy. London, Tavistock, 1963.
SILVA, Alzira Schueller Barbosa Pereira da. Papel da figura paterna na formação da personalidade: Um estudo com adolescentes toxicômanos. Tese de Doutorado USP, DPTO de Psicologia da aprendizagem, do desenvolvimento e da personalidade, 1991.
SILVA, Antonio Carlos Pacheco. Hippies, drogas, sexo, poluição. São Paulo: Martins, 1973.
SILVA, Jorge Medeiros da. Tóxicos: O que os pais devem saber. 7º ed., São Paulo: Paulinas, 1986.
SILVA, Maria Tereza Araújo. Drogas: Conceitos sem preconceitos. São Paulo: HUCITEC, 1986.
SONENREICH, Carol. Maconha na clínica psiquiátrica. In: Cadernos de Psicopatologia, São Paulo, Manole, 1982.
SOUZA, Denizard. Alucinações. Santa Maria RS: UFSM Impr. Universitária.
SUGARMAN, Barry. Daytop village: A therapeutic community. New York: Holt, Rinehart and Winston, 1974.
SZNICK, Valdi. Alguns conceitos sobre toxicomania. In: Justitia, v.43 out/dez n.115, pag. 9-17, São Paulo, 1981.
TIBA, Icami. 123 Respostas sobre drogas. São Paulo: Scipione, 1994.
TIBA, Icami. A maconha e o jovem: Família, escola e sociedade. São Paulo: Agora, 1989.
ULHOA, Maria José Carneiro. A família do todicômano. Arq. Bras. de Psicologia, Rio de Janeiro, v. 37, n.4, p.72-81, out./dez., 1985.
URIBE GUALLA, Guillermo. Toxicomania y delincuência. In: Archivos de Criminologia Neuropsiquiatria y Disciplinas Conexas, V II n.5 p.20-50, 1954.
VAITSMAN, Heliete. A memória drogada. O Globo, Jornal da Família, Rio de Janeiro, p.4, 14 de maio de 1995.
VARENNE, G. El abuso de las drogas. Trad. de Oscar Valtueña. Madrid: Ed. Guanabara, (1973).
VARGAS, Heber Soares. Prevenção geral das drogas... Heber Soares Vargas, Sandra V. Nunes, Heber O. Vargas. São Paulo: Ícone, 1993.
VELHO, Gilberto. Uma perspectiva antropológica do uso de drogas. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 355-358, nov./dez., 1980.
VERNALHA, M. M. (e outros). Entorpecentes. Universidade Federal do Paraná, 1980. (2 vols.).
VERSIANI, Marcio. Incongruência na atual abordagem do abuso de drogas. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ 29(6) 379-383, nov./dez., 1980.
VILHENA, José Luiz. Traficantes aliciam jovens nas escolas: Consumo de drogas atinge quatro em cada dez estudantes no Rio de Janeiro de 10 a 17 anos. José Luiz Vilhena e Regina Eleuterio. Rio de Janeiro: O Globo, p.28-29, 30 out., 1994.
WEIL, Andrew. Drogas e estados superiores da consciência. Trad. Norberto de Paula Lima. São Paulo: Ground, 1987.
WEINTRAUB, Mauro. Sonhos e sombras: A realidade da maconha. São Paulo: Harper e Row do Brasil, 1983.
WERNER, Junior, Jairo. Maconha, fantasia e realidade. Niterói: UFF, 1976.
WEREBE, Samuel. Toxicomania como uma das formas de marginalização de jovens em nossa sociedade. In: Ciência e Cultura, v.33 mar n.3, p. 319-24, São Paulo, 1981.
WILKERSON, David R. O que todo jovem precisa saber sobre as drogas. 10º ed., Belo Horizonte: Betania, 1979.
WILLIAMS, Jesse Feiring. Narcotics, the study of a modern problem: A manual of basic information for teachers... Sacramento: Department of Education, 1952.
YARIA, Juan A. Toxicomania: A verdade social em negativo. Trad. J. A. Ceschin. São Paulo: Edições Loyola, 1992.
ZAITTER, Menyr Antonio Barbosa. Porque o uso da droga. Curitiba: Of. Graf. das Faculdades Tuiuti, 1986.
ZAGO, José Antonio. Drogas: Condições psicossociais da dependência. São Paulo: Ícone, 1988.
ZALUAR, Alba (org.). Drogas e cidadania repressão ou redução de riscos. Alba Zaluar, Anthony Henman et al (orgs.). São Paulo: Brasiliense, 1994.
ZOJA, Luigi. Nascer não basta: Iniciação e toxicodependência. Trad. Roberto Ferreira. São Paulo: Axis Mundi, 1992.
Brasil. Comissão nacional de fiscalização de entorpecentes. A maconha, coletânea de trabalhos brasileiros. Rio de Janeiro: Ministério da Educação e Saúde, Serviço de Documentação, 1951.
Colóquio sobre a problemática da droga em Portugal. Lisboa Portugal: Academia das Ciências de Lisboa, 1987.
Conselho federal de entorpecentes. Política nacional na questão das drogas. Brasília, 1988.
Curso de capacitação em prevenção primária contra o uso indevido de drogas. Centro de Estudos de Pessoal, O Centro, 1992.
Droga, violência e crime organizado. TC-2C, Maceió, ADESG, Delegacia de Alagoas, 1987.
Drogues et developpement. Revue Tiers Monde, Paris, v.33 n.131, p. 489-691, juil./sept. 1992.
Drug abuse survey project. Dealing with drug abuse. A report to the Ford Foundation, Foreword by McGeorge Bundy. New York: Praeger Publisher, 1972.
Drugs and social policy. In: The annals of The American Academy of Political and Social Science Philadelphia, jan., v.417 número dedicado ao assunto, 1975.
Etude de suivi des toxicomanes incarceres: Evaluation de la recherche action menee a fleury-merogis in 1986. F. R. Yngold et al. Paris: IREP, 1987,
Escolas sem drogas. (15.1): DPTO de Educação dos EUA, 1989.
Estados Unidos. Tratados etc. Mexico fev. 16, 1977 Narcotic Drugs additional cooperative arrangements to curb illegal production and traffic, Washington, Department of State, 1979.
Estudos atuais sobre os efeitos da Cannabis Sativa. 2º ed., São Paulo: Global, 1980.
Eu, Christiane F., 13 anos, drogada, prostituida. Depoimentos recolhidos por Kai Hermann e Horst Rieck. São Paulo: DIFEL, 1982.
Ideas practicas para prevenir el uso indebido de drogas entre tus amigos. Quito, Equador, 1983.
Ideas practicas para prevenir el uso indebido de drogas en el colegio. Quito, Equador: Editorial Olmedos, 1983.
Ideas practicas para prevenir el uso indebido de drogas en su familia. Quito, Equador, 1983.
II Levantamento nacional sobre o uso de psicotrópicos em estudantes de 1º e 2º graus 1989. São Paulo: CEBRID, 1989.
Inter-American commission on drug policy United States drug policy award latin america: The report of the interamerican comission on drug policy. Washington D.C.: Woodrow Wilson International Center for Scholars, Latin American Program, c1991.
Instituto Social Morunbi São Paulo. Entorpecentes, estudos sobre tóxicos e toxicomania. São Paulo: Loyola, 1971.
Journees nationales sur les toxicomanies. (1): 1985, Paris, França, Ministeres Charge de la Sante et de la Famile, 1985.
La orientacion y la prevencion en el campo de las drogas. In: Educacion Revista para el Magistério, Caracas, 21-28 dec. 1973.
Las drogas, el conductor y la seguridad en el trânsito. Robert E. Willette, P.S., 1984.
Las Naciones Unidas y la fiscalizacion del uso indebido de drogas. Nueva York: Dpto. de Informacion Publica de las Naciones Unidas, 1992.
Levantamento nacional sobre o uso de psicotrópicos em estudantes de 1º e 2º graus. s.l., CEBRID, 1989.
Maconha: Coletânea de trabalhos brasileiros. 2º ed., Rio de Janeiro: Serviço Nacional de Educação Sanitária, 1958.
Nações Unidas el tráfico de drogas y la economia mundial. Contribuiciones, Buenos Aires, 7(2) 74-81, abr./jun., 1990.
Narcóticos Anônimos – Para o recém chegado. 1986.
Narcóticos Anônimos – Quem, que, como e porquê. 1988.
Narcóticos Anônimos – Sou toxicômano? 1988.
Narcóticos na América Latina. Embaixada dos Estados Unidos, 1987.
O debate sobre drogas. Diálogo, Rio de Janeiro, 22(4): 56-63, 1989.
O quebra cabeça das drogas. In: O Correio, v.1, jul., n.7 nº dedicado ao assunto, Rio de Janeiro, 1973.
O toxicômano: Como reconhecê-lo. Dep. De Pol. Federal, 1967.
Organização Mundial de Saúde: Comité de especialistas em drogas susceptíveis de provocar a toxicomania. Cinquième rapport, Geneve, 1955.
Organizacion Panamericana de la Salud. Abuso de drogas. Washington: Organizacion Panamericana de la Salud y OMS, 1990.
Os mal-educados. Pesquisa diz que sexo é mal ensinado na escola, VEJA, São Paulo, p. 89, 17 de agosto de 1994.
Os tóxicos que são e como atuam. In: Boletim CEPA, RJ, 13-16, maio, 1973.
Seminário nacional de programas educativos de prevenção ao uso indevido de drogas 13 à 17 set. 1982. São Paulo: Relatório, CONFEN.
Sobre o abuso de drogas. São Paulo: Loyola, 1983.
Sugestões para programas de prevenção ao abuso de drogas no Brasil. E. A. Carlini, Ed. Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas.
Toxicomanias: Um enfoque multidisciplinário. Coord. F. Freixa y P. A. Soler Insa. Barcelona, Fontanella, 1981.
Toxicômanos Anonimos (Narcotics Anonymous). Trad. Yolanda S. Toledo. São Paulo: Loyola, 1982.
Tóxicos: Cultura - Juventude - Contestação. In: cadernos do CEAS, fev. n.17 nº dedicado ao assunto, Salvador, 1972.
Tudo sobre o combate as drogas: Questões polêmicas. São Paulo: Flash.
United States drug policy toward Latin America: The report of the interamerican commission on drug policy the Woodrow Wilson Center. Washington, D.C., The Center, c1991.
Vinte e quatro horas. Rio de Janeiro: Vila Serena, 1986.
* Capítulo 5
A Cocaína (Erythroxylon Coca L.) e o Crack
BIBLIOGRAFIA
BASTOS, Francisco Inácio. Só socialmente... Francisco Inácio Bastos, Odair Gonçalves. Rio de Janeiro: Relume Dumara, 1992. (assunto: cocaína história).
BOTELHO, Francisco de Andrade. Do valor anestesico da cocaina na cirurgia em geral (These). Rio de Janeiro, 1890.
BYCK, Robert (org.). Freud e a cocaína. Trad. Claudia Martinelli e Mauro Gama. Rio de Janeiro: Espaço e Tempo, 1989.
CHASIN, Alice A. da Matta. Diagnóstico laboratorial da intoxicação aguda por cocaína, aspecto forense. São Paulo: Dissertação de Mestrado USP, 1990.
COVINO, Benjamin G. Anestésicos locais: Mecanismos de ação e uso clínico. Benjamim G. Covino e Helen G. Vassalo. Trad. Dr. Antônio Carlos Guerra e Dr. Antônio Roberto Carraretto. Rio de Janeiro: Colina Editora, 1985.
DELPIROU, Alain. Coca coke: Produtores consumidores, traficantes e governantes. Trad. Wanda Caldeira Brant. São Paulo: Brasiliense, 1988.
ENRICO, Roger. E o outro vacilou: Como a Pepsi venceu a guerra das colas. Roger Enrico e Jesse Kornbluth. Trad. David Soares. 2º ed., Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1987.
FELDMAN, Moysés. Cocaína: Valor médico-legal de sua pesquisa na bile. Rio de Janeiro: Tese UERJ, 1988.
FUENTES, Manuel A. Mémoire sur le coca du Pérou. Paris, 1866.
HEINZ, Wolfgang S. Colombia y el trafico de cocaína, aspectos nacionales e internacionales, contribuiciones. Buenos Aires, 7(2): 56-64, abr./jun., 1990.
JOHANSON, Chris-Ellyn. Cocaína (Série Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
KALINA, Eduardo. Aos pais de adolescentes... Eduardo Kalina e Halina Grynberg. 2º ed., Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1989. (Col. Psicologia e Psicanálise).
KALINA, Eduardo. Drogadicção II. Trad. Maria de Lourdes Abreu de Oliveira, Miriam Volpe de Madalena. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1988.
KALINA, Eduardo. Drogas: Terapia familiar e outros temas. Trad. Paulo Fróes. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1991.
KALINA, Eduardo. As ciladas da cidade: Um estudo sobre as relações da vida urbana com a drogadição. Eduardo Kalina e santiago Kovadloff. São Paulo: Brasiliense, 1978.
KALINA, Eduardo. Drogadicção: Indivíduo, família e sociedade. Eduardo Kalina e Santiago Kovadloff. 3º ed., Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1980.
KALINA, Eduardo. Viver sem drogas. Trad. Reinaldo Guarany. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1986.
MADURO, Renato. A dose mais forte. 5º ed., Rio de Janeiro: Universal Produções, 1987.
MAIER, H. W. La cocaine historique - Pathologie - Clinique therapeutique - Defense sociale. trad. Dr. S. Jankeleirteh. Avec 5 figures dans le texte. Paris, 1928.
MAIER, Thomas Morèns Y. Recherches chimiques et phyprologiques sur l'erythroxihn coca du péron et la cocaine. Avec planche. Paris, 1868.
MARIANI. La coca et ses applications therapeutiques. Paris, 1888.
MARTA, Dott. Felice. La cocaina - Storia - Clinica - Rimedi. Casa Editora Sonzogno – Hilario.
MEINEL, Valério. Avestruz, águia e... Cocaína (Romance). Porto Alegre: L&PM, 1994. (assunto: jogo do bicho, tráfico de drogas, ficção).
MOREIRA, Alvaro. Cocaína... Rio de Janeiro: Pimenta de Mello Ed., 1924.
MURAD, José Elias. A descriminalização das drogas: Utopia ou não? Brasília, 1993. (discursos parlamentares).
MURAD, José Elias. The drug abuse among the students in Brazil. Belo Horizonte, 1977.
MURAD, José Elias. Como manter sua escola livre das drogas. Belo Horizonte: Abraço, 1989.
MURAD, José Elias. O que você deve saber sobre os psicotrópicos... Belo Horizonte: Conselho Federal de Farmácia, 1972.
MURAD, José Elias. Drogas: O que é preciso saber. 3º ed., Belo Horizonte: Editora Lê, 1991.
MURAD, José Elias (org.). Abraço - Associação Brasileira Comunitária e de Pais para a Prevenção do Abuso de Drogas: O que é, o que faz, como funciona, como criá-la sem ua comunidade. Brasília, 1987.
OLIEVENSTEIN, Claude. A vida do toxicômano. Trad. Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 1983.
OLIEVENSTEIN, Claude. A clínica do toxicômano: A falta da falta. Porto Alegre: Artes Médicas, 1990.
OLIEVENSTEIN, Claude. Aspectos psicodinâmicos do desenvolvimento do toxicômano. Psicologia teoria e pesquisa, Brasilia, v.3, n.1, p.35-42, jan./abr., 1987.
OLIEVENSTEIN, Claude. A droga: Drogas e toxicômanos. Trad. Marina Camargo Celidonio. 3º ed., São Paulo: Brasiliense, 1980.
OLIEVENSTEIN, Claude. Os drogados não são felizes. Trad. de Marina Camargo Celidônio. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1977.
OLIEVENSTEIN, Claude. Destino do toxicômano. Trad. de Marie Dominique Grandy. São Paulo: ALMED, 1985.
PEREIRA, Murillo de Macedo. Coca - Cocaína (Erythroxylon Coca L.). por Murillo de Macedo Pereira e Vera Kuhn de Macedo Pereira. São Paulo: Secretaria de Segurança Pública, 1976.
PEREIRA, Murillo de Macedo. Uma perspectiva antropológica dos aspectos bio-psico-sociais, médicos e sócio culturais do uso da coca e derivados. São Paulo: Separata dos Arquivos da Polícia Civil de São Paulo, vol. XXXV, 2º semestre , 1980.
PERNAMBUCO FILHO, Pedro. Vícios sociaes elegantes: Cocaína, ether, diamba, opio e seus derivados, etc. Estudo clínico medico legal e prophylactico. Pelos dr. Pernambuco Filho e dr. Adaulto Botelho. Rio de Janeiro: Liv. Francisco Alves, 1924.
PINHEIRO, Dr. José Gabriel. Da cocaína e seus usos. Rio de Janeiro: Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, these, 1888.
PITIGRILLI, Pseud. de Dino Segre. Cocaína, romanzo. 11º ed., Milano: Ed. Sonzogno, 1923.
SOMOZA, Alfredo. Coca, cocaína e narcotráfico. Trad. Rosina I. M. D’Angina. São Paulo: Icone, 1990.
SOUZA, Antonio Maciel de. Cocainomania: Contribuição ao seu estudo na Bahia. Bahia: Faculdade de Medicina da Bahia, these, A Nova Graphica, 1926.
SOUZA, Percival de. Society - Cocaína. 5º ed., São Paulo: Traço Ed., 1981.
VOM SCHEIDT, Jürgen. As experiências de Freud. Trad. de Renato Bittencourt. Rio de Janeiro: Artenova (Coleção Comportamento Humano - Série Alma e Psichê), 1975.
Cocaína, drogas, el estado y la economia Tijuana. MX, Instituto de Investigaciones Culturales latinoamericanos, 1992.
Notice sur les propriétes et l'usage du coca du Pérou. Paris: Impr. Parisiense de A. Guyot et Seribe, 1867.
Seminário interamericano sobre aspectos medicos y sociológicos de la coca y de la cocaina. Lima, jul. 1979 cocaine 1980; actos... Editor F. R. Jerí, Lima, OPS/OMS, Administracion Internacional de Narcóticos, 1980.
União pan-americana. Coca: A plant of the Andes... Washington, D.C., 1936.
* Capítulo 6
O Ópio (Papaver Somniferum L.) e os Opiáceos
BIBLIOGRAFIA
CHAVES, Luiz Antônio. Dissertação sobre o ópio, de sua acção sobre a economia animal, e dos casos que reclamam seu uso, precedida de considerações geraes sobre o systema nervoso. Rio de Janeiro: These Fac. de Med. Rio de Janeiro, 1839.
CHEVALLIER, Alphonse. Notice historique sur l'opium indigène. Paris: W. Remquet, 1852.
FERREIRA, Dr. Domingos Antunes. Opiáceos, sua acção physiologica e therapeutica (These). Rio de Janeiro, 1884.
HERACLIO. Opiáceos, sua acção physiologica e therapeutica. these.
HUIDOBRO, F. Algunos lechos em torno a la tolerancia aguda producida por la morfina. São Paulo: R. dos Tribunais, 1974.
JOUET, Samuel. Étude sur le morphinisme chronique. Paris, 1884.
LANDAU, Simba I. Delincuentes y drogas heroicas in Israel. In: Archivos de Criminologia, Neuropsiquiatria y Disciplinas Conexas, Quito XV 57-58 42-62, 1967.
LEIGH, John. Na experimental inquiry into the properties of opium and its effects on living subjects. Edinburgh, 1786.
LEVINSTEIN, Dr. Edouard. La morphynomanie monographie basée sur des obsevations personneles. Paris: J. Masson Editeur, 1877.
MOORE, Rober Lowell. Operação França: A maior investigação do mundo sobre narcóticos. Trad. de Carlos Evaristo M. da Costa. Rio de Janeiro: Record, c1969.
NOVAES, Dr. Justino Midosi de. Dos opiáceos (These). Rio de Janeiro, 1879.
PERNAMBUCO FILHO, Pedro. Contribuição ao estudo clínico da morphinomania (Extrahido dos Archivos Brasileiros de Neuriatria e Psychiatria). Rio de Janeiro: Typ. do Jornal do Comercio, 1929.
PLATT, Jerome J. Heroin addiction theory, research, and treatment. Jerome J. Platt and Christina Labate. New York: J. Wiley e Sons, 1976.
QUINCEY, Thomas de. Concessionos of na english opium eater. London e Glasgow, Collins, 1856.
SAMPAIO, Dr. José Azorio de. ACÇÃO DOS OPIÁCEOS; Rio de Janeiro, 1879.
SANTOS IMBASSAHY, Emilio Teixeira. Aacção physiologica e therapeutica do ópio (These). Bahia, 1865.
WALL, Martin. Clinical observations on the use of opium... Martin Wall, the second edition, Oxford, 1786.
WOLFE, Tom. O teste do ácido do refresco elétrico. Rio de Janeiro: Rocco, 1993.
YAGI, Katsuro. Alterações mentaes nos opiomaniacos. Rio de Janeiro: Tese Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, Officinas Graphicas Alba., 1931.
ZACKON, Fred. Heroína (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
ZAMBACO, Dr. De la morphéomanie. Paris, 1883.
Organização Mundial de Saúde. Les opiacés analgésiques et atitussifs et leurs succédants. Rapport d’un groupe scientifique de l’OMS, Geneve, 1972.
* Capítulo 7
Os Ácidos
BIBLIOGRAFIA
BONONI, Vera Ramos. Cogumelos. Vera Lúcia Ramos Bononi e Marina Capelari. São Paulo: Três, 1985.
CASHMAN, John. LSD. Trad. de Miriam Schnaiderman. São Paulo: Perspectiva, (1970).
CASTAÑEDA, Carlos. Las ensenanzas de Don Juan: Uma forma Yaqui de conocimiento. Trad. Juan Tovar. México: Fondo de Cultura Economica, 1974.
CASTAÑEDA, Carlos. Voir: Les enseignements d'un souer Yaqui. Trad. de l’anglais par Maciel Kahn. Paris: Gallimard, 1973.
CASTAÑEDA, Carlos. A arte de sonhar.
CASTAÑEDA, Carlos. O fogo interior.
CASTAÑEDA, Carlos. O poder do silêncio.
CASTAÑEDA, Carlos. A erva do diabo: As experiências indígenas com plantas alucinógenas reveladas por Dom Juan. Trad. Luzia Machado da Costa. Rio de Janeiro: Record.
CASTAÑEDA, Carlos. Uma estranha realidade. Trad. Luzia Machado da Costa. Rio de Janeiro: Record. 243 p.
CASTAÑEDA, Carlos. Viagem a Ixtlan. Trad. Luzia Machado da Costa. 2º ed., Rio de Janeiro: Record, c1972.
CASTAÑEDA, Carlos. O segundo círculo do poder. Trad. Luzia Machado da Costa. Rio de Janeiro: Record.
CASTAÑEDA, Carlos. Porta para o infinito. Trad. Luzia Machado da Costa. Rio de Janeiro: Record.
CASTAÑEDA, Carlos. O presente da águia. Trad. Vera Maria Whatley. Rio de Janeiro: Record, c1981.
COELHO, Vera Penteado (org.). Os alucinógenos e o mundo simbólico: O uso dos alucinógenos entre os índios da América do Sul. São Paulo: EPU/Ed. USP, 1976.
COHEN, Sidney. Prolonged adverses reactions to lysergic acid diethylamide. In: Kintz, B. L. e Bruning J L ed Research in: Psychology Readins for the Introductory Course, p.446-452, Illinois, Scott, Foresman and Co, 1970.
FONTANA, Alberto E. (e outros). Psicoterapia com LSD e outros alucinógenos. Trad. Jamil Almansur Haddad. São Paulo: Mestre Jou, 1969.
FURST, Peter E. Cogumelos psicodélicos (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
FURST, Peter T. ed. La chair des Dieux: L’usage rituel des psychédéliques. Par Wasson et al. textes reunis par Peter T. Furst et trad. de l’américan par Vicent Bardet. Paris: Ed. du Seil, 1974.
GETTNER, H. H. Lysergic diethylamide (LSD25) XXXIX the effect of high tempatature on stability. In: Journal of Psychology, Massach, 75(1) 35-40, may, 1970.
HARNER, Michael J. Hallucinogens and shamanism. Repr. London, Oxford Univ. Press, 1976.
HUXLEY, Aldous. Moksha: Textos sobre psicodélicos e a experiência visionária. Organizadores: Michael Horawitz e Cynthia Palmer. trad. Eliana Sabino. Porto Alegre: Globo, 1983.
HUXLEY, Aldous. As portas da percepção e céu e inferno. Trad. Oswaldo de Araújo Souza. 11º ed., Porto Alegre, Rio de Janeiro, Globo, 1984. (6º ed., Civilização Brasileira, 1971).
LEWIN, Louis. Phantastica drogues psichédéliques, stupéfiants, narcotiques, excitants, halluninogenes. Paris: Payot, 1970.
MARTUNG, Jurgen R. Body image and defensiveness in an LSD taking subculture. In: J. of Project Tech. Pers. and assessment., California 34(4): 316-323, agt., 1970.
MCKENNA, Terence K. O alimento dos deuses. Trad. Alves Calado. Rio de Janeiro: Record, 1995.
MCKENNA, Terence K. Alucinações reais: Uma viagem cósmica inspirada pelo uso das plantas de poder. Rio de Janeiro: Record, 1993. (Psilocibina).
MILKMAN, Harvey B. Viajando: A consciência do poder destruidor das drogas sobre as células nervosas... Por Harvey B. Milkman e Stanley Sunderwirth. Trad. de Elcio Cerqueira. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1988.
SANGIRARDI Jr. O índio e as plantas alucinógenas: Um estudo impressionante sobre as drogas e seus efeitos (Coleção Astral). Rio de Janeiro: Ediouro, 1989.
TRULSON, Michael E. LSD (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
LSD - Dossier do vício. Trad. L. M. F. Guimarães. Rio de Janeiro: Record, 1968.
Psicoterapia com LSD e outros alucinógenos. Alberto e Fontana. São Paulo: Mestre Jou, 1969.
* Capítulo 8
Subindo e Descendo
BIBLIOGRAFIA
ATOR, Nancy Almand e Henningfield, Jack E. Barbitúricos (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
LUKAS, Scott E. Anfetaminas (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
MORI, Roni Francisco Freitas. Estudo e aplicação da condutometria na análise de barbitúricos. Santa Maria: Dissertação de Mestrado Univ. Fed. de Santa maria, 1977.
OLIVEIRA, Alvaro Acioli de. Contribuição ao estudo dos neurolépticos de ação prolongada. Niterói: UFF, tese apres. para prova de habilitação a livre docência a UFF, 1975.
SEASHORE, Robert H. The effects of analeptic drugs in relieving fatigue. Robert H. Seashore and A. C. Tvy. Washington: The American Psychological Association, 1953.
WINGER, Gail. Tranquilizantes (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
* Capítulo 9
A Legislação e o Aparelho Repressor
BIBLIOGRAFIA
ANDRADA, Oswaldo Moraes. Os tóxicos... Rio de Janeiro: Bloch - INL, (Col. Brasil Hoje nº 4), 1971.
BARRETO, João de Deus Menna. Novo prisma jurídico da embriaguez. São Paulo: Freitas Bastos, 1979.
BARRETO, João de Deus Menna. Estudo geral da nova lei de tóxicos. 3º ed., Rio de Janeiro: Livraria e Editora Freitas Bastos, 1982.
BARRETO, João de Deus Menna. Ciência saúde. 1º e 2º livro - Curso básico de subs. Tóxicas. Rio de Janeiro: Renes, 1983.
BARRETO, João de Deus Menna. A lei antitóxicos comentada. Rio de Janeiro: Renes, 1972.
BARRETO, João de Deus Menna. O desafio das drogas e o direito. Rio de Janeiro: Renes, 1971.
BASAN, Pedro Mudrey. Tóxicos: A nova lei comentada: Doutrina, legislação, jurisprudência. São Paulo: Brasilivros, 1980.
BITTENCOURT, Lígia Maria. Do discurso jurídio a ordem médica os descaminhos do uso de drogas no Brasil. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado PUC-RJ, 1986.
CATÃO, Yolanda. Abuso de drogas na legislação penal brasileira: Pesquisa. Yolanda Catão e Helena C. Fragoso Rio de Janeiro: Ed. Liber Juris LTDA., Faculdade de Direito Cândido Mendes, Instituto de Ciências Penais.
DONIGAN, Robert L. Chemical test case law: Legal aspects of and constitutional usues involved in chemical testes to determine intoxication. Evanston III, Traffic Institute, North-Western University, c1950.
DORIA, José Rodrigues da Costa. Toxemia e crime. 1907.
FONTAN BALESTRA, Carlos. El hombre y el delito. Buenos Aires: Hachette, 1941.
FRANCESCHINI, José Luis Vicente de Azevedo. Tóxicos: Jurisprudência, legislação, bibliografia para o estudo da matéria. São Paulo: LEUD, 1980.
GOMES, Geraldo. Tóxicos: Competência jurisdicional, tráfico internacional. São Paulo: LEUD, 1982.
GONZAGA, João Bernardino. Entorpecentes, aspectos criminológicos e jurídico-penais. São Paulo: M. Limonad, 1963.
GRECO FILHO, Vicente. Tóxicos: Prevenção, repressão: Comentários a lei nº 6368 de 21/10/76. São Paulo: Saraiva, 1989.
NEVES, Márcia Cristina Ananias. Tráfico de entorpecentes - Organização de textos, legislação complementar e índice remissivo alfabético. São Paulo: Riedel, 1994.
PACHECO, J. E. de Carvalho. Tóxicos: Comentários a respeito da nova lei antitóxicos legislação vigente, jurisprudência aplicável a nova lei e prática. 3º ed., Curitiba: Juruá, 1977.
PACHECO E SILVA. Psiquiatria clínica e forense. São Paulo: Renascença, 1951.
RANGEL, Mário Guaraci de Carvalho. Lei de tóxicos, comentários e aspectos internacionais. Rio de Janeiro: Forense, 1978.
SILVA, Jorge Adelino Rodriguez da. Lei antitóxicos: Considerações críticas a respeito do capítulo referente ao tratamento e recuperação. In: Jornal Brasileiro de Psiquiatria, RJ, 29(6) 373-377, nov./dez., 1980.
SODRÉ, Hélio. A prova referente à posse de entorpecentes. Rio de Janeiro: Forense, 1971.
SODRÉ, Hélio. Polícia, tóxicos e justiça Rio de Janeiro: Ed. Rio (1973).
Eugenics society (Londres, Inglaterra) Symposium (25: 1998 Controlling legal addctions: Proceedings of the twenty-fifty annual symposium of the engenics societh. London, 1988, edited by David Robinson, Alan Mayard, Robert Cheester, New York, St. Martin Press, c1989.
Evaluation du dispositiv de lutte contre la toxicomanie em 1985-1986. Paris: Ministere des Affaires Sociales et de L’Emploi, Direction General de la Sante, 1986.
La droga en la sociedad actual: Nuevos horizontes en criminologia compilation de Antonio Beristain y Jose Luís de la Cuesta Guipuzcoa. Caja de ahorros Provincial de Guipuzcoa, 1985. (legislação Espanha).
Legislação sobre entorpecentes no Brasil. Brasília, 1988.
Lei de entorpecentes (Lei nº 5726 de 29 de outubro de 1971): Medidas preventivas e repressivas ao seu tráfico e uso. (Coleção LEX nº 22); Rio de Janeiro: Aurora, 1973.
Nova lei de entorpecentes (Lei nº 6368 de 21 de outubro de 1976): Medidas preventivas e repressivas ao seu tráfico e uso (Coleção LEX nº 22): A nova legislação sobre entorpecentes. Rio de Janeiro: Aurora, 1976.
Tóxicos: Legislação e jurisprudência compilada. Por Donaldo J. Felippe. Campinas, SP: Julex Livros, 1987.
* Capítulo 10
O Comportamento Social
BIBLIOGRAFIA
BRISOLLA, Carlos Eduardo de Barros. Drogas: Alguns aspectos sócio culturais. In: Justiça, ano 35, 2º trim., V.81, p.161-72, São Paulo, 1973.
CHECK, William A. O futuro (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
COX, W. Miles. Personalidade do viciado (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1988.
CRUXÊN, Orlando Soeiro. Drogadicção: Uma contextualização social e familiar do tema. Rev. de Psicologia Fortaleza, v.6, n.1, 15-29 jan./jun., 1988.
CRUZ, Claudia Cilene R. da. A família do dependente de drogas. Claudia Cilene R. da Cruz, Cristina N. Araújo, Lilian Claudia E. de Erithal. Rio de Janeiro: ESS/UFRJ, 1980 .
EDWARDS, Griffth. Los problemas de la droga en el contexto socio-cultural... Genebra: OMS, 1981.
EINSTEIN, Stanley. The use minuse of drugs: A social dilema. California, Wadsworth, 1970.
FREEMAN, Sally. Na rota do vício (Coleção Tudo Sobre Drogas). São Paulo: Nova Cultural, 1989.
FROES, Vera. Santo Daime, cultura amazônica: História do povo Juramidam. Manaus: SUFRAMA, 1986.
GREGORIM, Gilberto. Santo Daime: Estudos sobre simbolismo, doutrina e povo de Juramidam. São Paulo: Ícone, 1991.
LEHNEN, Lacette Maria. A Toxicomania na adolescência como um sintoma nas interações familiares. Brasília: Instituto de Psicologia da Universidade de Brasília, Tese de Mestrado em Psicologia Clínica, 1991.
MACRAE, Edward. Guiado pela lua: Xamanismo e uso ritual da ayhauasca no culto do Santo Daime. São Paulo: Brasiliense, 1992.
MADALENA, J. Caruso. O comportamento toxicomaníaco ou dependente. Rev. de Psiquiatria, 11(19): 1-8-1971.
MESQUITA, Fábio. Drogas e AIDS: Estratégias de redução de danos. Fábio Mesquita, Francisco Inácio Bastos (orgs). São Paulo: HUCITEC, 1994.
MILBY, Jesse B. A dependência de drogas e seu tratamento. São Paulo: Pioneira, EDUSP, 1988.
MILKMAN, Harvey B. Craving for ecstasy: The consciousness and chemistry of escape. Stanley G. Sunderwirth Lexington. Mass, Lexington Books, c1987.
OLIVEIRA, Marcial. Minha viagem ao centro do daime. São Paulo: Saraiva, 1993.
OLIVEIRA, Nei Roberto da Silva. Ótica sociológica do uso de tóxicos. Revista de Ciência Política, Rio de Janeiro, 22(1): 39-79, jan./mar., 1979.
POLARI DE ALVERGA, Alex. O guia da floresta Rio de Janeiro: Record, 1992. (assunto: Santo Daime, alucinógenos e exp. religiosa).
SANCHEZ, Amauri M. Drogas e drogados: O indivíduo, a família, a sociedade. Amauri M. Tonucci Sanchez, Celso Telles, José Elias Murad et al. São Paulo: EPU, 1982.
Centro Espírita Beneficente União do Vegetal. União do Vegetal, Hoasca, Fundamentos e objetivos, Brasília, Centro de Memória e Documentação, 1989.

Prof. Dr. Silvério da Costa Oliveira.
(Respeite os Direitos Autorais – Respeite a autoria do texto – Todo autor tem o direito de ter seu nome citado junto aos textos de sua autoria)

Marcadores:

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial